nsc
    dc

    Frustração

    MInistério da Saúde revê números e SC vai receber menos doses de vacina

    Anúncio anterior previa 268 mil doses para fevereiro. Novos dados sobre a imunização para SC ainda são aguardados

    19/02/2021 - 07h47 - Atualizada em: 19/02/2021 - 11h33

    Compartilhe

    Catarina
    Por Catarina Duarte
    Novas doses serão enviadas ainda em fevereiro
    Novas doses serão enviadas ainda em fevereiro
    (Foto: )

    Diferente do cronograma inicialmente divulgado pelo Ministério da Saúde, Santa Catarina deve receber um quantitativo menor de doses da vacina contra a covid-19 ainda em fevereiro. Segundo o diretor da Vigilância em Saúde em Santa Catarina, Eduardo Macário, das 268 mil doses previstas, há garantia de entrega de apenas 10 mil. Dados sobre a distribuição devem ser publicados nas próximas horas. As informações são do colunista da NSC, Ânderson Silva. 

    A mudança é fruto de um impasse entre o Ministério da Saúde e o Instituto Butantan. Segundo a pasta, a instituição havia prometido entregar 9,3 milhões de vacinas até o final de fevereiro. Contudo, o número passou para 2,7 milhões nesta quinta-feira (18). 

    > Clique aqui e receba as principais notícias de Santa Catarina no WhatsApp

    Para fevereiro estava prevista a entrega de 259 mil doses da CoronaVac — produzida pelo Butantan — para Santa Catarina. A vacina seria aplicada em trabalhadores da saúde e idosos. Com a manutenção da entrega apenas do imunizante da Astrazeneca, fica garantida apenas para os quilombolas a vacinação. 

    O calendário de entregas previsto para março está mantido. A expectativa é que sejam enviadas 1.211.836 doses para Santa Catarina em março. Os grupos prioritários que receberam doses incluem trabalhadores da saúde e idosos a partir dos 60 anos. Ambos devem receber tanto doses da CoronaVac como da Astrazeneca. 

    > Bebê de 1 mês morre por covid-19 em Chapecó

    Das 635.183 doses da CoronaVac, 202.128 são destinadas a idosos com idade entre 60 e 64 anos. Já para os que têm entre 65 e 69, o total deve ser de 89.661 vacinas. Para os trabalhadores da saúde está previsto o envio de 10.679 imunizantes.

    Com um quantitativo menor, de 576.653 doses, a vacina da Astrazeneca será enviada para idosos com idade entre 65 e 69 anos (185.189), de 70 a 74 anos (194.547) e 75 a 79 anos (124.172). No caso dos trabalhadores da saúde, o total deve ser de 45.285 imunizantes.

    O Ministério informou que do total previsto para ser enviado nos dois meses, foi reservado 5% como um fundo estratégico. A distribuição, segundo a pasta, será feita a partir de uma avaliação do cenário.

    Confira cronograma de envio para fevereiro e março

    MARÇO

    Astrazeneca

    Trabalhadores da saúde - 45.285

    Idosos (75 a 79 anos) - 124.172

    Idosos (70 a 74 anos) - 194.547

    Idosos (65 a 69 anos) - 185.189

    CoronaVac

    Idosos (65 a 69 anos) - 89.661

    Idosos (60 a 64 anos) - 202.128

    Trabalhadores da Saúde - 10.679

    Leia mais:

    SC tem alta de casos ativos de covid-19 e registra o maior número em dois meses

    Primeira indígena vacinada contra Covid em SC recebe segunda dose: “Dá alívio, mas o vírus continua a circular”

    SC pressiona governo Bolsonaro a investir em leitos de UTI para covid-19

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Saúde

    Colunistas