nsc
    dc

    Educação

    Volta às aulas em SC começará com atividades de reforço, diz secretário de Educação

    Natalino Uggioni falou na manhã desta quarta sobre o plano de retomada das atividades pedagógicas nas escolas, prevista para 13 de outubro

    09/09/2020 - 07h46 - Atualizada em: 09/09/2020 - 09h23

    Compartilhe

    Por Guilherme Simon
    Volta às aulas em SC
    Retomada de atividades presenciais em SC está prevista para 13 de outubro
    (Foto: )

    A volta das aulas presenciais em Santa Catarina começará com atividades de reforço para estudantes que estiverem com dificuldades de aprendizado no ensino remoto, afirmou nesta quarta-feira (9) o secretário de Educação, Natalino Uggioni.

    > Volta às aulas em SC tem incertezas de pais e medidas para possível retorno

    Natalino concedeu entrevista ao Bom Dia Santa Catarina, da NSC TV, para falar sobre o Plano Estadual de Contingência para a Educação (PlanCon) para as redes de ensino estadual e municipais. O documento será apresentado na manhã desta quarta.

    Por ora, as atividades presenciais nas escolas seguem suspensas até o dia 12 de outubro por conta do coronavírus. Conforme o secretário Natalino, a retomada de atividades presenciais a partir de 13 de outubro depende da melhora dos índices da pandemia no Estado. De acordo com ele, a confirmação do retorno só ocorrerá “mais próximo da data”.

    Por conta da pandemia de coronavírus, o ensino presencial está suspenso desde 19 de março na rede pública e privada do ensino infantil, fundamental, médio e de jovens e adultos.

    As diretrizes de retorno às aulas presenciais são discutidas por comitê que reúne 15 entidades. Entre as regras definidas, está o retorno gradual, por semana, e primeiro, dos alunos mais velhos, iniciando pelas séries finais.

    > "Pare, olhe e escute" diz Mario Sergio Cortella sobre retorno das aulas pós-pandemia em SC

    — Nós estamos falando de retomar as atividades pedagógicas no âmbito das escolas, e isso tem diferença em relação às aulas normais. Significa dizer que nós vamos convidar para retornarem às nossas escolas aqueles estudantes, começamendo pelos maiores, que estão apresentando mais dificuldade de assimilação do conteúdo — destacou o secretário Natalino, à NSC TV.

    Segundo ele, isso “evidencia a preocupação” com a segurança dos estudantes e dos profissionais da educação, pois fará com que menos alunos estejam nas escolas nesse primeiro momento, facilitando o cumprimento dos protocolos de segurança contra o coronavírus, e com a qualidade do ensino.

    Conforme o secretário explicou, enquanto, nas escolas, parte dos estudantes receberá reforço dos conteúdos, os outros estudantes vão continuar tendo aulas a distância. Ele afirmou que o ensino remoto seguirá, em paralelo, até o final do ano.

    Plano de Contingência

    Nesta quarta, a Secretaria de Estado da Educação, a Secretaria de Estado da Saúde e a Defesa Civil de Santa Catarina apresentam o Plano Estadual de Contingência para a Educação (PlanCon) para as redes de ensino estadual e municipais em transmissão online.

    > Dois dos 16 deputados de SC votaram contra perdão da dívida bilionária das igrejas; saiba detalhes

    Conforme o governo estadual, o objetivo do documento é preparar as instituições de ensino para o retorno seguro às aulas presenciais em Santa Catarina, incluindo, além das medidas sanitárias, as diretrizes de atividades pedagógicas, transporte, alimentação, gestão de pessoas, comunicação, capacitação e finanças.

    Após a apresentação do documento, será iniciada a etapa de formações e treinamentos dos profissionais da educação.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Educação

    Colunistas