nsc
nsc

Tráfico internacional

Catarinenses são presos com carregamento de cocaína em navio de cruzeiro na França

Compartilhe

Dagmara
Por Dagmara Spautz
22/04/2022 - 15h29 - Atualizada em: 24/04/2022 - 13h43
Catarinenses viajavam a bordo do navio MSC Seaside
Catarinenses viajavam a bordo do navio MSC Seaside (Foto: Divulgação)

Dois catarinenses estão presos desde o dia 4 de abril em Marselha, na França, por tráfico internacional de drogas. De acordo com a imprensa francesa, eles viajavam em um navio de cruzeiro que saiu do Rio de Janeiro no fim de março, com uma mala contendo 12 quilos de cocaína. A droga está avaliada em mais de R$ 2,5 milhões.

Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

Os dois presos foram identificados somente pelo primeiro nome na França. João tem 20 anos e é morador de Camboriú. Taynara, 18 anos, vive em Balneário Camboriú. A coluna entrou em contato com o Itamaraty na quinta-feira (21), para saber se o governo brasileiro acompanha o caso. Até esta sexta-feira à tarde, não houve resposta.

As publicações sobre o caso afirmam que os dois presos embarcaram no navio MSC Seaside fingindo ser um casal. Eles foram descobertos em uma ação da polícia francesa no porto de Marselha, com cães farejadores.

O site BMF Marseille publicou que Taynara teria dito à policia que trabalhava como faxineira e havia sido demitida recentemente quando conheceu João em uma festa. Ele a teria convidado para viajar para a Europa com a droga. Em troca, cada um deles receberia cerca de 7 mil euros - mais de R$ 35 mil.

O que está por trás do novo aumento “surpresa” no preço da gasolina em SC

O jornal La Provance informou que a jovem teria afirmado em depoimento que sabia que levava uma bagagem ilegal, mas não tinha conhecimento de que havia drogas na mala. Ainda de acordo com a imprensa da França, a cocaína seria levada até o porto de Gênova, na Itália.

Mesmo navio

A MSC Cruzeiros não se manifestou a respeito do local de origem dos passageiros. Dias antes da prisão do casal de SC, outros 10 passageiros brasileiros que viajavam no mesmo transatlântico foram presos no Porto de Valência, na Espanha.

Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz

Leia mais​

Convocada por engano em concurso em SC, candidata vai receber indenização após largar emprego

Porto de Itajaí pode ficar com chineses ou árabes após leilão

"Jeitinho" na lei vai ajudar prédio de 140 andares em Balneário Camboriú; entenda

Guarapuava e Criciúma: por que o novo cangaço mira cidades de médio porte

Portuários vão a Lula contra desestatização do Porto de Itajaí prevista por Bolsonaro

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Mais colunistas

    Mais colunistas