Um grupo de 10 deputados do MDB insatisfeitos com a condução do partido – base do governo Lula – lançará nos próximos dias um manifesto público para organizar a ala divergente e unir os parlamentares que integram a oposição, numa espécie de “MDB bolsonarista” na Câmara dos Deputados. Entre eles, o catarinense Rafael Pezenti.

Continua depois da publicidade

Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

A “insurgência” não é novidade. Os parlamentares têm votado majoritariamente contra a orientação partidária do MDB nas votações da Câmara.

Lei que impede título de Cidadão Catarinense a Bolsonaro tentava atingir Lula

Nesta semana, parte do grupo participou de uma reunião com o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) em Brasília. Além de Pezenti, também fazem parte da “oposição do MDB” nomes como o deputado gaúcho Osmar Terra; o carioca Otoni de Paula; o delegado Palumbo, deputado por São Paulo; o goiano Márcio Côrrea, e Thiago Flores, do MDB de Rondônia.

Continua depois da publicidade

Leia mais

“Boom” de iates causa fila de espera de dois meses para manutenção pré-temporada em SC

SC avalia “tax free” para turistas estrangeiros

Proposta recorde para operar Porto de Itajaí é desclassificada na fase documental

Projeto de lei cria Rota da Memória para contar história da ditadura em Florianópolis

Destaques do NSC Total