nsc
nsc

Pandemia

Empresa de Itajaí negociou vacinas com Pazuello pelo triplo do preço, diz jornal

Compartilhe

Dagmara
Por Dagmara Spautz
16/07/2021 - 13h42 - Atualizada em: 16/07/2021 - 21h45
Ex-ministro Eduardo Pazuello na CPI da Covid
Ex-ministro Eduardo Pazuello na CPI da Covid (Foto: Jefferson Rudy, Agência Senado)

Uma empresa de comércio exterior de Itajaí ofereceu proposta ao Ministério da Saúde para intermediar a compra de 30 milhões de doses da vacina Coronavac, vindas da China. De acordo com informação obtida pela Folha de S. Paulo, publicada nesta sexta-feira (16), cada dose seria repassada pela empresa World Brands ao governo brasileiro por US$ 28 – praticamente o triplo do preço das doses fornecidas pelo Instituto Butantan.

> Receba as principais informações de Santa Catarina pelo WhatsApp

O negócio não foi concretizado. Mas, de acordo um vídeo obtido pela Folha, representantes da empresa chegaram a se encontrar com o então ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, em uma reunião que não constava na agenda oficial. Na gravação, feita no dia 11 de março, o ex-ministro aparece na companhia de supostos representantes da empresa e sugere que as tratativas estão adiantadas. 

“Já saímos daqui hoje com o memorando de entendimento já assinado e com o compromisso do ministério de celebrar, no mais curto prazo, o contrato para podermos receber essas 30 milhões de doses no mais curto prazo possível para atender a nossa população”, disse Pazuello no vídeo.

> Como deputados e senadores de SC votaram na "turbinada do fundão"

> Ar polar deverá trazer o frio mais forte de 2021 em SC

O encontro teria ocorrido no gabinete do coronel Elcio Franco, que era secretário de Pazuello. Na época, o governo federal era pressionado diante do atraso em negociar vacinas.

Ainda que as doses não tenham sido adquiridas, o fato foi parar na CPI da Covid e as tratativas serviram para enrolar ainda mais o Ministério da Saúde nas investigações sobre a compra de vacinas. Fica cada vez mais evidente que o governo preferia tratar com intermediários do que diretamente com os laboratórios, como a Pfizer. Além disso, o vídeo contraria a afirmação feita por Pazuello aos senadores da CPI, de que enquanto ministro não podia negociar diretamente com empresas a compra de vacinas. 

> Opinião: Que Bolsonaro se recupere rapidamente para dar explicações e respostas aos brasileiros

Em seu site, a World Brands informa que atua em importação, exportação e distribuição de produtos alimentícios, tecnológicos, aviação, náutica, produtos médicos, químicos e cosméticos. A empresa, que nasceu em Blumenau, atua desde 2004 no ramo de comércio exterior e tem sede no Centro de Itajaí.

A coluna entrou em contato com a World Brands duas vezes nesta sexta-feira. Na primeira, por volta de 12h30min, a atendente informou que o responsável se manifestaria por e-mail. Diante da falta de retorno, um novo contato foi feito às 13h35min, mas desta vez a atendente afirmou que a empresa não tem expediente nas tardes de sexta-feira.

Caso a empresa se manifeste, terá o posicionamento publicado. À Folha, a World Brands informou apenas “Proposta efetuada, nenhuma resposta efetiva recebida, negócio não efetuado”.

Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz

Leia também

Teve reação à vacina da Covid-19? Saiba o que fazer

Vídeo mostra o acidente fatal com time de futsal na BR-376; veja

Policial rodoviário de SC morre aos 56 anos vítima da Covid-19 no Alto Vale

Vídeo flagra meteoro do tamanho de uma bola de basquete no céu catarinense

Jovem fez alerta para amiga antes de ser morta em Hotel: "Guri estranho"

Variante Delta: veja a eficácia de cada uma das vacinas da Covid

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Mais colunistas

    Mais colunistas