nsc
nsc

Projeto na Alesc

Pagar pedágio com o Pix? Projeto avança na Alesc e está perto de aprovação

Compartilhe

Dagmara
Por Dagmara Spautz
06/05/2022 - 12h19 - Atualizada em: 06/05/2022 - 13h43
Pedágio em SC
Pedágio em SC (Foto: Guto Kuerten / BD)

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa aprovou por unanimidade um projeto de lei do deputado Niso Berlanda (PL) que determina que as praças de pedágio de Santa Catarina aceitem pagamento em PIX. É a etapa mais importante da fase inicial de aprovação da proposta, que agora segue para outras três comissões: Trabalho, Administração e Serviço Público, e Transportes.

Receba notícias do DC via Telegram

O próximo passo é subir para o plenário e, se aprovada, a sanção do governador Carlos Moisés (Republicanos). Esta é a segunda tentativa da Alesc de alterar o modelo de pagamento vigente nos pedágios catarinenses. No ano passado, a lei que determinava que os postos de pedágio aceitassem cartão de crédito acabou derrubada pela Justiça.

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) considerou, entre outras questões, que o pagamento com cartão poderia provocar filas nas praças de pedágio e interferir na gestão das concessionárias.

Governo consegue suspender liminar na Justiça e não apresenta lista de passageiros do Arcanjo

A instituição do PIX é uma boa ideia pode melhorar a vida dos motoristas que, hoje, precisam ter dinheiro vivo para passar pelo pedágio. Mas a imposição de lei estadual sobre rodovias federais pedagiadas - caso a proposta seja de fato aprovada - dá margem para contestação na Justiça. O ideal é que a facilitação partisse das próprias concessionárias.

Hoje, o PIX já é aceito em praças de pedágio no Rio de Janeiro, Espírito Santo e Mato Grosso. Em São Paulo, concessionárias que administram rodovias no estado também avaliam adotar o sistema.

Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz

Leia mais​

Convocada por engano em concurso em SC, candidata vai receber indenização após largar emprego

Porto de Itajaí pode ficar com chineses ou árabes após leilão

"Jeitinho" na lei vai ajudar prédio de 140 andares em Balneário Camboriú; entenda

Guarapuava e Criciúma: por que o novo cangaço mira cidades de médio porte

Portuários vão a Lula contra desestatização do Porto de Itajaí prevista por Bolsonaro

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Mais colunistas

    Mais colunistas