nsc
nsc

Construção civil

Último hotel icônico de Balneário Camboriú terá arranha-céu e apartamentos residenciais

Compartilhe

Dagmara
Por Dagmara Spautz
15/02/2022 - 16h15
Prédio redondo do Hotel Marambaia foi projetado pelo arquiteto Roberto Veronese
Prédio redondo do Hotel Marambaia foi projetado pelo arquiteto Roberto Veronese (Foto: Reprodução)

A inconfundível fachada redonda, à beira-mar, é o símbolo do último hotel icônico de Balneário Camboriú a resistir ao tempo: o Marambaia. O hotel, hoje administrado por quatro sócios, será parcialmente demolido para dar lugar a um arranha-céu, que deve integrar hotelaria de alto padrão e apartamentos residenciais.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

Símbolo do Marambaia, o prédio redondo, construído em 1964, será reformado e preservado. O último andar deverá ser reservado a um restaurante.

A diretora de Arte da Fundação Cultural de Balneário Camboriú, Lilian Martins Camargo, diz que o edifício redondo é um marco da arquitetura modernista brasileira, com grande importância histórica e arquitetônica. O projeto é do arquiteto gaúcho Roberto Veronese.

Primeiro hotel de luxo de Balneário Camboriú que hospedou até presidentes dá lugar a arranha-céu

- É um ícone modernista, e foi construído numa fase conturbada da história brasileira. Assim como temos marcos dessa arquitetura no Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, temos um exemplar em Balneário Camboriú.

Disparada de valorização em Balneário Camboriú chegará aos imóveis longe da praia, diz especialista

Apesar da importância histórica, o Marambaia nunca foi efetivamente tombado. A fachada circular foi protegida como área de interesse histórico do município pelo Plano Diretor aprovado em 2008, que deve ser rediscutido em breve. A medida é uma salvaguarda, mas não uma garantia definitiva de preservação. Apesar disso, o empresário Osmar Nunes Filho, o Mazoca, sócio do Marambaia, diz que a manutenção do prédio redondo no projeto já está decidida, e independe de eventuais mudanças no Plano Diretor.

Já o prédio posterior, que foi construído na década de 1970 e tem um projeto arquitetônico mais simples, será demolido. O projeto da nova torre do Marambaia está em fase de aprovação, e a previsão é que as obras iniciem no ano que vem.

Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz

Leia mais

SC tem 4 das 10 cidades mais caras do Brasil para comprar imóvel​

Quanto custa alugar um apartamento de luxo em Balneário Camboriú no verão

Balneário Camboriú tem "disputa" de Cristiano Ronaldo e xeiques árabes por cobertura de R$ 50 milhões

Maior prédio da América do Sul em Balneário Camboriú ganha revestimento de iate de luxo

Por que o alargamento da praia em Balneário Camboriú atraiu tubarões

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Mais colunistas

    Mais colunistas