nsc
nsc

Turismo

Hotéis da Serra lotam à espera de frio histórico em SC e moradores oferecem casa como estadia

Compartilhe

Eduarda
Por Eduarda Demeneck
28/07/2021 - 06h00
Serra Catarinanse
Sera Catarinense tem previsão de frio extremo nos próximos dias (Foto: Eduarda Demeneck, NSC Total)

A última semana de julho já prometia ser de muito movimento na Serra Catarinense, por causa das férias escolares. Muitos hotéis já estavam com as reservas cheias desde o início do mês. Mas a previsão de frio histórico fez a procura aumentar. Em Urubici, por exemplo, os cerca de 6 mil leitos estão ocupados para os próximos dias e, com isso, moradores estão abrindo suas casas para receber visitantes.

Receba as principais notícias de Santa Catarina no WhatsApp

Temperaturas em SC despencam na quarta com onda de frio extremo; veja previsão

- O que está acontecendo agora é que os poucos que tinham vaga já fecharam, e agora quem tem um quarto, uma casa ou um chalé está alugando. A gente tem movimento de pessoas que estão indo pra casa de parentes e alugando suas casas. A gente já ultrapassou 100% da capacidade hoteleira - explicou o presidente da Associação Empresarial de Urubici, Henrique Martins.

Hotéis e pousadas de quase todas as 18 cidades da Serra Catarinense estão tendo muita procura. Ao todo, os leitos passam de 12 mil. Bom Retiro, Rio Rufino, Urubici, São Joaquim, Urupema e Bom Jardim da Serra são as cidades mais procuradas.

A partir desta quarta-feira (28), a região já deve ter mais turistas circulando. Na maioria dos hotéis, as reservas começam na quinta-feira (29) e seguem até domingo (1). Muitos grupos de turistas são formados por famílias com crianças, que vêm em busca do turismo de frio, de viver a experiência de ver neve, geada, e fenômenos que podem ocorrer nos dias mais gelados.

> Turismo na Serra de SC tem plano de expansão para novos investimentos e sinalização

> Vai nevar no Cambirela? Entenda a previsão de frio para a Grande Florianópolis

A orientação é para que as pessoas só visitem a Serra depois de terem reserva em hotéis ou pousadas. Com a demanda alta, será difícil achar lugar para ficar. Outra dica é se agasalhar muito. Roupa de lã, térmica e casaco são essenciais, além de touca e cachecol.

Por causa do movimento intenso, a Polícia Militar e a Vigilância Sanitária também vão intensificar as fiscalizações por conta da pandemia. Estabelecimentos e pontos turísticos serão vistoriados. É importante cumprir com as medidas de segurança para evitar a proliferação do vírus. Há o risco de congelamento nos acessos aos morros das Torres, em Urupema, e da Igreja, em Urubici. A atenção precisa ser redobrada.

Leia também:

Puchalski: Ar polar irá derrubar a temperatura no amanhecer desta quarta em SC

Risco de congelamento nas rodovias faz Policia Militar Rodoviária intensificar fiscalização

Veja dicas de como trafegar em caso de pista congelada

​​Relembre a neve em Santa Catarina com fotos

Quando acaba o inverno de SC em 2021?

Eduarda Demeneck

Colunista

Eduarda Demeneck

Os principais acontecimentos de Lages e região.

siga Eduarda Demeneck

Eduarda Demeneck

Colunista

Eduarda Demeneck

Os principais acontecimentos de Lages e região.

siga Eduarda Demeneck

Mais colunistas

    Mais colunistas