A Celesc, empresa de energia controlada pelo governo de Santa Catarina que atua com distribuição e geração, encerrou 2022 com lucro líquido de R$ 540,6 milhões, 4,0% inferior ao do ano anterior, 2021. No quarto trimestre, a empresa lucrou R$ 103,4 milhões, cifra 17,1% superior à dos mesmos meses do ano anterior. Os investimentos no ano somaram R$ 1,29 bilhão no ano, 71,7% mais que no ano anterior, informou a companhia em seu balanço.

Continua depois da publicidade

Quem é a única mulher na lista dos 10 mais ricos do mundo

A receita operacional líquida anual somou R$ 10,1 bilhões, o que representa queda de 11,1% frente a de 2021. O Ebitda (lucro após juros, impostos, depreciação e amortização) alcançou R$ 1,1 bilhão no ano, alta de 3,5% na mesma comparação.

No quarto trimestre, a Celesc alcançou receita operacional líquida de R$ 2,8 bilhões, 7,9% menor frente aos mesmos meses do ano anterior. O Ebitda chegou a R$ 223,8 bilhões, com crescimento de 7,5% na comparação com o dos mesmos três meses de 2021.

O resultado final da companhia no ano passado foi afetado principalmente pelos juros altos da taxa Selic. A companhia teve custo maior de passivo financeiro de R$ 128,2 milhões ante R$ 26,5 milhões no ano de 2021.

Continua depois da publicidade

A companhia também registro expressiva migração de consumidores do mercado cativo para o mercado livre. A Celesc encerrou 2022 com recuo de 3,4% do mercado cativo e crescimento de 8,3% de consumidores livres. O consumo industrial caiu 7,7% no ano, enquanto o residencial cresceu 3,7%. O mercado total teve um crescimento de 1,1%.

Durante 2022, a Celesc realizou investimentos de R$ 1,29 bilhão, 71,7% superior ao total aportado com esse mesmo objetivo em 2021, quando chegou a R$ 753,1 milhões.

No quarto trimestre, foram R$ 333,4 milhões, 47% mais que no mesmo período do ano anterior. Os recursos foram destinados principalmente para expansão e melhoria do sistema de distribuição, eficiência operacional e modernização da gestão da empresa.

Leia também

Duas empresas de SC estão entre as 25 melhores de tecnologia para mulher trabalhar

Em tempos da moda no topo das fortunas, marca de luxo abre loja em Florianópolis

Novo arcabouço fiscal é bem recebido, mas requer aumento de receita

Lucro do BRDE cresce 68,6% e chega a R$ 446,6 milhões em 2022

Puxada pela indústria, SC fica em segundo lugar na criação de vagas em 2023

Plano de ajuste fiscal de SC soma R$ 4,3 bilhões entre cortes e novas receitas

Destaques do NSC Total