nsc
    nsc

    Novos negócios

    Mercado Livre escolhe Governador Celso Ramos para instalar centro de distribuição na Região Sul

    Compartilhe

    Estela
    Por Estela Benetti
    12/11/2020 - 09h50 - Atualizada em: 13/11/2020 - 20h46
    Centro de distribuição do Mercado Livre será instalado em SC
    Centro de distribuição do Mercado Livre será instalado em SC (Foto: Divulgação)

    O Mercado Livre vai instalar um centro de distribuição em Governador Celso Ramos, na Grande Florianópolis, para atender entregas à Região Sul. O anúncio foi feito na manhã desta quinta-feira (12) e a operação, que tem como parceiro local o Grupo Cassol, começa no início de 2021, com previsão de gerar mil empregos diretos ao longo do ano.

    > Mercado Livre vai abrir mil vagas para Governador Celso Ramos; saiba como se inscrever

    Segundo o vice-presidente do braço logístico de envios da companhia, Leandro Bassoi, o acordo com a empresa dona do empreendimento logístico permite ampliação e o valor do investimento não será informado para preservar o sigilo do parceiro local. Na primeira etapa serão ocupados 32 mil metros quadrados e, depois, o plano é chegar a 71 mil metros quadrados. 

    - Encontramos um bom desenvolvedor local para construir o CD e fizemos um bom contrato com ele para que a gente possa expandir isso ao longo do tempo, de acordo com a demanda. Quando as vendas crescem mais, a gente dispara um pedido para ele construir mais uma área – disse Bossoi.

    > Tecnologia e saúde entre as prioridades do novo presidente da CDL de Florianópolis

    > Saiba como receber notícias do NSC Total no WhatsApp

    Meses atrás, o Mercado Livre obteve regime tributário especial junto ao governo do Estado de Santa Catarina. O anúncio do local era muito esperado pelo mercado catarinense. O projeto seria em Gravataí, no Rio Grande do Sul, mas foi suspenso por falta de acordo tributário.

    O objetivo da companhia é melhorar os prazos de entrega no país. Hoje, 70% do total chega até o cliente em um dia, informou o executivo. Além do centro de distribuição em SC, a empresa comunicou nesta quinta-feira que abrirá mais três centros logísticos em São Paulo e um em Minas Gerais, totalizando uma expansão de área de 340 mil metros quadrados no país. Essas novas unidades somam mais do que a capacidade atual de área de superfície e integram o investimento total de R$ 4 bilhões que está sendo desenvolvido este ano pelo grupo. 

    Leia também:

    Ambev inaugura centro de distribuição em Joinville

    Propaganda eleitoral: o que pode e o que não pode até a véspera das Eleições 2020

    Secretário de Saúde de SC diz que piora na pandemia de Covid 'não é surpresa' e descarta novas restrições

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas