nsc
nsc

Saúde pública

Blumenau exonera servidores que se recusaram a tomar a vacina da Covid-19

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
11/11/2021 - 17h58 - Atualizada em: 11/11/2021 - 18h02
Decreto de outubro prevê obrigatoriedade da imunização para comissionados
Decreto de outubro prevê obrigatoriedade da imunização para comissionados (Foto: Marcelo Martins, Prefeitura de Blumenau, Divulgação)

Três servidores públicos de Blumenau que se recusaram a tomar a vacina contra a Covid-19 foram exonerados no início deste mês. Dois deles ocupavam cargos comissionados na secretaria de Cultura e um na Defesa Civil. Nenhum apresentou laudo médico que justificasse a decisão de abrir mão da imunização.

> Receba notícias de Blumenau e do Vale pelo WhatsApp

Com a medida, a prefeitura fez valer um decreto assinado em 19 de outubro que prevê justamente a obrigatoriedade da vacina para servidores em cargos de comissão. O descumprimento é passível de exoneração. Ao editar a norma, o prefeito Mário Hildebrandt (Podemos) falou da necessidade de dar exemplo.

Oficialmente, os três servidores alegaram motivos pessoais para não tomar a vacina. Eles foram chamados e orientados pelas chefias sobre a importância da imunização, mas não deram o braço a torcer – nem para receber a agulhada. Por serem nomeações de confiança, sem vínculo com concurso público, cargos de comissão podem ser exonerados com uma simples canetada.

Até o momento os casos são isolados. Os demais servidores comissionados já comprovaram que tomaram ao menos a primeira dose.

Além dos cargos em comissão, em Blumenau a vacina também é obrigatória para servidores municipais da educação, incluindo os da Furb, em complemento a um decreto estadual. Para as demais áreas do funcionalismo a norma ainda está sendo avaliada.

Receba notícias e análises do colunista Pedro Machado sobre economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região pelo WhatsApp ou Telegram

Leia também

Empresa de TI de Blumenau investe R$ 6 milhões para repaginar marca e produtos

Condomínio residencial de luxo será integrado a projeto de strip mall em Blumenau

Empresas tradicionais de Blumenau unem forças em plano de expansão dos negócios

Ninguém quis a marca Sulfabril em leilão

Laboratório Hemos de Blumenau é vendido por R$ 35 milhões a gigante nacional da medicina

Arezzo quer comprar Grupo Soma, dono da Cia. Hering, diz jornal

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas