nsc
nsc

Economia

SC tem oito empresas entre os 100 maiores atacadistas e distribuidores do país; veja lista

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
10/05/2022 - 13h24
Delly’s Food Service lidera o ranking no Estado
Delly’s Food Service lidera o ranking no Estado (Foto: Divulgação)

Oito empresas de Santa Catarina estão entre os 100 maiores atacadistas e distribuidores do Brasil, mostra ranking divulgado nesta terça-feira (10) pela Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores (Abad) em parceria com a consultoria NielsenIQ. Quatro delas tiveram faturamento acima de R$ 1 bilhão em 2021. Somado, o grupo movimentou receitas de R$ 11,2 bilhões no ano passado.

> Receba notícias de Blumenau e do Vale pelo WhatsApp

Duas destas companhias também figuram no top 10 nacional em termos de vendas. Com R$ 3,86 bilhões de faturamento em 2021, a Delly’s Food Service – que controla a Oesa Distribuição, de Jaraguá do Sul – é a terceira maior empresa do país no segmento. Na nona colocação aparece a GAM Distribuidora, fundada em Tubarão, que distribui medicamentos e produtos de perfumaria. A liderança geral é do Atacadão, com faturamento de R$ 59 bilhões.

O ranking também revelou que Santa Catarina tem cinco das 10 maiores empresas do setor na região Sul. O levantamento computou 669 companhias. Além das oito que estão no top 100 em faturamento, o Estado ainda emplacou outras 42 companhias, elevando o número de representantes para 50.

Ainda de acordo com o estudo, o setor atacadista e distribuidor catarinense, considerando apenas as empresas listadas, teve faturamento total R$ 13,7 bilhões em 2021, alta de 31% em relação a 2020. É um crescimento bem superior à média nacional, que foi de 7,1% no ano passado, com receitas de R$ 308,4 bilhões.

Receba notícias e análises do colunista Pedro Machado sobre economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região pelo WhatsApp ou Telegram

Leia também

Novo condomínio em Blumenau com 250 apartamentos está em análise na prefeitura

WEG planeja investimento milionário para ampliar fábrica de Blumenau

Negócio que envolve sede própria da Câmara de Blumenau esbarra em conselho

Honda monta fábrica em Santa Catarina

Havan capta R$ 550 milhões em primeiro movimento no mercado de capitais​

Venda de empresa de TI de Blumenau pode sair por mais de R$ 600 milhões

Rede de lojas vai fechar unidade em Blumenau e culpa alta de custos

Retirada de decoração revela "tesouro" escondido na Vila Germânica em Blumenau

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas