A reabertura do Moinho Joinville ao público vai depender do parque linear do rio Cachoeira. O objetivo da Fiesc é montar o projeto de reocupação do prédio histórico conectado ao parque Porto Cachoeira. “O uso do moinho vai depender do que a prefeitura vai fazer no parque linear, será um uso integrado”, diz o presidente da Fiesc, Mario Cezar de Aguiar. Na manhã desta quinta-feira, a entidade empresarial fez uma apresentação da Escola Sesi de Referência no Moinho Joinville, um complexo educacional com aulas iniciadas na segunda-feira.

Continua depois da publicidade

Clique para receber notícias de Joinville e região no WhatsApp

Um dos símbolos da industrialização de Joinville foi construído entre 1910 e 1913, com ampliações nas décadas seguintes. A operação foi encerrada em 2013, com compra do terreno pela Fiesc em 2018. A construção principal foi tomada pelo patrimônio histórico municipal. A reforma da fachada e a cobertura do prédio centenário, contratada pela entidade, está na fase final. A próxima etapa, com conclusão em abril, será a iluminação cênica, uma forma de dar destaque ao Moinho Joinville.

A construção vai continuar com acesso fechado, sem ligação com o complexo educacional. O acesso ao público será liberado somente após a reforma interna. A restauração da área interior, com 3,8 mil metros quadrados, vai depender de qual será a futura utilização. “A reforma do espaço interno vai levar em conta quais atividades serão realizadas”, diz Marco Aurélio Prass Goetten, gerente executivo da Fiesc Norte. Empresas privadas devem participar da futura gestão do empreendimento.

O parque Porto Cachoeira será implantado em etapas pela prefeitura. A primeira etapa será no trecho entre as ruas Max Colin e Itaiópolis, na Beira-rio. Como a licitação foi concluída, há possibilidade de início das obras no segmento nas próximas semanas. As demais etapas estão aguardando a contratação de empréstimo internacional pela prefeitura, ainda que eventualmente possam ser realizadas com recursos próprios.

Continua depois da publicidade

Quais os prazos para a duplicação em obras em Joinville

Rodovia em duplicação em SC terá nova ponte

MP abre inquérito civil em Joinville sobre decreto da vacina e faz recomendação ao prefeito

Antes de projeto, ponte da Vigorelli terá estudo para avaliar se é viável

Quais as chances de aprovação de projetos sobre proibição de cargas perigosas na SC-418

Prefeitura aponta nova ponte no Litoral de SC como “fundamental”

Após duas décadas, Arena Joinville tem passo para a concessão

Destaques do NSC Total