nsc
dc

Animais

Cobra peçonhenta é encontrada em museu do Oeste de SC; veja vídeo

Animal estava dentro da instituição; segundo os bombeiros, a cobra possui veneno, porém, não é perigosa

23/11/2021 - 17h54

Compartilhe

Diane
Por Diane Bikel
Cobra foi identificada como sendo da espécie Philodryas patagoniensis
Cobra foi identificada como sendo da espécie Philodryas patagoniensis
(Foto: )

Uma cobra peçonhenta foi encontrada, nesta terça-feira (23), dentro do Museu do Contestado em Irani, no Oeste de Santa Catarina. Apesar de possuir veneno, o animal não é perigoso, segundo informações do Corpo de Bombeiros. 

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

O museu fica ao lado de uma "grande vegetação" e, por esse motivo, é comum encontrar esses animais na região. 

O que chamou atenção, no entanto, foi o fato da cobra estar dentro da instituição. De acordo com os bombeiros, o animal foi capturado e solto em um espaço de vegetação nativa, por volta das 10h30min. 

> Cobra mais venenosa do Brasil foi capturada quatro vezes em 12 dias no Vale do Itajaí

> Cobra é encontrada viva dentro de couve-flor em Florianópolis

Identificada, pelos bombeiros, como serpente Philodryas patagoniensis, a espécie é venenosa, porém, não perigosa. Segundo o órgão, as presas desse animal ficam no "fundo" da boca, o que torna difícil acidentes graves com o veneno. 

Aparição de cobras em SC

Diversas cobras em ambientes urbanos tem aparecido em Santa Catarina. Segundo especialistas, o calor e a urbanização próxima a áreas de mata é um dos motivos para que ocorra um aumento de aparições desses animais.

> Saiba por que tantas cobras têm aparecido e assustado moradores em SC

Em Jaraguá do Sul, apenas em 2021, mais de 250 cobras foram capturadas.

Veja vídeo

O que fazer em caso de picada?

Algumas orientações devem ser seguidas em caso de picada, segundo o biólogo Christian Lempek. 

  • Não cortar o local, fazer perfurações ou sucção;
  • O local da picada deve ser lavado com água e sabão;
  • A vítima deve ser levada o mais rápido possível ao hospital;
  • É importante tentar identificar a serpente (pode ser por foto, se possível) pois isso facilitará para escolha do soro antiofídico a ser aplicado.

*Sob supervisão de Lucas Paraizo.

Leia também

Mulher encontra duas cobras no banheiro enquanto tomava banho em Jaraguá do Sul

Morador encontra cobra de 1,5 metro em quarto de ferramentas em Jaraguá do Sul; veja o resgate

Ninho de aranha é encontrado em pacote de bananas em Florianópolis

Colunistas