nsc
nsc

Decoração

Como aplicar a decoração industrial em casa

Veja dicas para sair do óbvio e deixar o seu lar mais elegante

18/01/2022 - 15h21

Compartilhe

Portal
Por Portal EdiCase
Casa com decoração industrial
Casa com decoração industrial
(Foto: )

A decoração industrial, também conhecida como estilo urbano, surgiu na década de 50 nos EUA. “Com a crise americana, vários imóveis industriais desocupados foram usados como residências e as pessoas começaram a aproveitar equipamentos como móveis residenciais”, explica Renatto Alves, artista e proprietário da The Industrial Design – pensada para decoração rústica, prática e elegante.

> Quer receber notícias por WhatsApp? Inscreva-se aqui

Formas de usar

A decoração industrial pode ser usada de várias formas. “Desde um conceito 100% industrial como os lofts americanos ou mesclando algumas peças industriais com peças modernas, onde se cria um ambiente descontraído", afirma o artista. Os tons predominantes deste estilo são: a cor natural do ferro, o preto e a cor da madeira natural.

> Descubra como encontrar o seu estilo de decoração

Durabilidade e elegância

Independentemente do tamanho da casa ou apartamento, existem móveis que podem ser adaptados. Esse estilo é ideal para quem quer sair do óbvio. O uso do mármore e do ferro é marcante na decoração industrial, mas podem ser mesclados com outros.

“Na decoração, o ferro é conhecido pela sua irreverência, podendo circular em diversos ambientes e se adaptar aos mais diferentes estilos. Já o mármore, é uma pedra versátil, que permite construir móveis refinados e ao mesmo tempo contemporâneos”, explica Renatto Alves.

O proprietário da The Industrial Design explica que apostar no mix de materiais é uma tendência moderna e capaz de valorizar ambientes. Inclusive, além de trazer versatilidade, sofisticação e elegância, os móveis fabricados em ferro e mármore são ideais para quem valoriza a durabilidade.

> Decoração escandinava: conheça essa tendência

Características marcantes

O estilo industrial traz características ousadas e que podem remeter ao passado, como o estilo retrô. Você pode aproveitar com elegância móveis oxidados e antigos, texturas desgastadas e madeiras cruas e envelhecidas. É comum encontrar em ambientes com esse estilo materiais brutos e inacabados, paredes de tijolos expostas, pisos de cimento, portas e janelas largas, encanamentos e vigas expostas, entre outros.

*Por Matilde Freitas

Leia também

Decoração: conheça as características do estilo moderno

Confira 5 tendências da arquitetura que aliam beleza e sustentabilidade​​

Plantas em ambientes internos: especialista dá dicas de como escolher as melhores espécies

Colunistas