nsc

Alerta

Covid-19: "Está na hora de medidas restritivas", diz secretário de saúde de Florianópolis

Maiores aglomerações acontecem de noite e nas praias

22/02/2021 - 17h05 - Atualizada em: 22/02/2021 - 17h13

Compartilhe

Mateus
Por Mateus Boaventura
Secretário de saúde de Florianópolis, Carlos Alberto Justo da Silva
Secretário de saúde de Florianópolis, Carlos Alberto Justo da Silva
(Foto: )

Com apenas 17 leitos de UTI disponíveis nesta segunda-feira (22), de acordo com o Covidômetro, Florianópolis se prepara para possíveis restrições na tentiva de conter o coronavírus. Foi o que disse o secretário municipal de saúde, Carlos Alberto Justo da Silva, em entrevista ao CBN Hub.

> Monitor da vacina: acompanhe os dados de imunização em SC

— As pessoas continuam se deslocando e fazendo aglomerações não só em Florianópolis. Eu acho que está na hora de tomarmos algumas medidas restritivas nesse sentido — contou.

> Alerta em SC: Moisés e prefeitos vão discutir medidas contra o coronavírus

Perguntado sobre restrições, ele citou os locais que devem ser controlados: "nós temos as maiores aglomerações no período noturno e nas praias."

Ouça a entrevista com o secretário de saúde de Florianópolis, Carlos Alberto Justo da Silva:

Leia também

> Mulher de 41 anos morre por Covid em casa nos braços de marido e filhos em Florianópolis

> Grande Florianópolis amanheceu com apenas três vagas de UTI para pacientes com Covid

> Chapecó avalia fechamento do comércio até domingo

> Anac investiga pouso frustrado de helicóptero com marca da Havan em píer de SC; vídeo

Colunistas