nsc
    an

    Imunização

    Joinville quer concluir primeira fase da vacinação contra a Covid-19 em junho

    Com 42 mil pessoas já imunizadas, estimativa é vacinar mais 100 mil pessoas em dois meses

    01/04/2021 - 09h32 - Atualizada em: 01/04/2021 - 10h21

    Compartilhe

    Hassan
    Por Hassan Farias
    Vacinação contra o coronavírus em Joinville
    Vacinação contra o coronavírus em Joinville
    (Foto: )

    Joinville quer concluir a primeira fase da campanha de vacinação contra a Covid-19 até junho de 2021, de acordo com o secretário da saúde, Jean Rodrigues da Silva. O prazo será possível se, pelo menos, for mantido o atual ritmo de entrega de doses pelo Ministério da Saúde.

    > Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

    A primeira fase da vacinação integra os profissionais da saúde, idosos em instituições de longa permanência (ILPIs), indígenas e quilombolas, idosos com 60 anos ou mais, pacientes crônicos, professores, profissionais das forças de segurança e do sistema prisional.

    > Monitor da vacina: veja o avanço da vacinação contra Covid-19 em SC

    Inicialmente, a prefeitura estimava em cerca de 112 mil pessoas os integrantes da primeira fase em Joinville. No entanto, o secretário afirma que o número foi reajustado para cerca de 140 mil joinvilenses. Segundo Jean, a cidade tem uma população maior de adultos jovens, onde a presença de comorbidades é maior.

    - Essa classe tem muitos desafios de comorbidade, como diabetes e hipertensão. Na sua grande maioria, eles não fazem acompanhamento no sistema público porque têm acesso à rede privada. Então, esse é um número que não aparece, mas vai ser um desafio na hora em que começarmos a vacinar os crônicos - explica.

    > Joinville tem mais de 1 mil mortes por Covid-19 após 12 meses de pandemia

    De acordo com a última atualização do município, na quarta-feira (31), Joinville imunizou 42.848 pessoas com a primeira dose - 8.118 também receberam a segunda dose. Isso significa que ainda restam aproximadamente 100 mil pessoas para serem vacinadas em dois meses.

    - Se o ministério cumprir o cronograma, como tem feito neste ritmo, a gente cumpre a primeira fase no início de junho - garantiu Jean.

    > 'Não estaríamos neste cenário se não fosse a variante', diz secretário após 1 mil mortes por Covid-19 em Joinville

    Média de 2,5 mil doses por dia

    A prefeitura aposta em uma estratégia de vacinação totalmente por meio de agendamentos pela internet. As pessoas dos grupos prioritários se cadastram no site e podem escolher data e horário para receber a vacina, à medida em que forem abertos os agendamentos pelo município.

    Atualmente, estão sendo vacinados, em média, 2,5 mil pessoas por dia em Joinville. No começo, a imunização acontecia apenas no Centreventos Cau Hansen, mas nesta semana foram incluídas nove unidades de saúde como local de vacinação.

    - A gente abriu para começar a testar como iria funcionar nas unidades e a receptividade da comunidade. A perspectiva é de ampliar para outros postos, à medida em que chegarem mais vacinas - conta o secretário.

    > "Se não fosse a Covid-19, ela estaria com a gente agora", diz mãe de bebê que morreu em Joinville

    Abertura de novas faixas etárias

    Na última quarta-feira (31), a prefeitura abriu o agendamento de 5 mil doses para aplicação em profissionais da saúde. Com isso, a expectativa do secretário é concluir a imunização deste público-alvo até domingo (4).

    Segundo ele, ainda há uma quantidade residual de vacinas para aplicar em idosos que perderam o horário de vacinação, mas não existe um volume grande para abrir uma nova faixa etária no momento.

    A expectativa é de chegada de novas doses até o fim de semana, o que possibilitaria liberar agendamento para idosos com 67 anos. No momento, o município vacina idosos de 68 anos ou mais.

    Leia também

    > "Ninguém sabia como lidar com aquilo", recorda filha de primeiro joinvilense a morrer por coronavírus

    > Prefeito de Joinville agradece quem descumpriu decreto com praça "cheia de famílias"

    > "É assustador", diz secretário da saúde de Joinville sobre efeitos da nova variante do coronavírus

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Saúde

    Colunistas