nsc
    hora_de_sc

    Justiça

    Julgamento do triplo homicídio de família em Alfredo Wagner é adiado para outubro

    Suspeito de matar três pessoas da mesma família em Alfredo Wagner continua preso

    27/08/2020 - 09h22 - Atualizada em: 27/08/2020 - 09h52

    Compartilhe

    Clarissa
    Por Clarissa Battistella
    triplo homicídio em Alfredo Wagner
    Triplo homicídio aconteceu no dia 9 de agosto do ano passado, quando pai, mãe e filho foram encontrados mortes na área rural de Alfredo Wagner
    (Foto: )

    O julgamento do triplo homicídio em Alfredo Wagner, que seria realizado nesta quinta-feira (27), foi adiado para 22 de outubro. O acusado de matar três pessoas da mesma família segue preso. O triplo homicídio ocorreu no dia 9 de agosto do ano passado, quando pai, mãe e filho foram encontrados mortes na área rural do município.

    > Mulher que teve familiares assassinados em Alfredo Wagner revela sonhos e áudio do irmão

    O réu está preso em Lages, na Serra de Santa Catarina, desde a data do crime. Arno Cabral Filho, 44 anos, é acusado de triplo homicídio qualificado. A defesa alega que os assassinatos têm outra autoria, cujo nome deve vir à tona em plenário. A promotoria, por sua vez, preferiu não se manifestar em razão de o processo estar em segredo de Justiça.

    > Família morta em Alfredo Wagner é sepultada no interior do Paraná

    > MP denuncia suspeito por assassinato de família em Alfredo Wagner

    > Polícia encontra registros sobre dívida de suspeito de matar família em Alfredo Wagner

    > Quer receber notícias por WhatsApp? Inscreva-se aqui

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Polícia

    Colunistas