nsc
dc

Luto

Morte de autor de livro sobre Marielle Franco é investigada no RJ

Leuvis Manuel Olivero, de 38 anos, tinha 11 livros publicados e foi morto a tiros

19/10/2021 - 14h50

Compartilhe

Redação
Por Redação DC
Leuvis Manuel Olivero foi morto enquanto caminhava na Tijuca, no Rio de Janeiro
Leuvis Manuel Olivero foi morto enquanto caminhava na Tijuca, no Rio de Janeiro
(Foto: )

A morte do escritor e capoeirista Leuvis Manuel Olivero, de 38 anos, é investigada pela Delegacia de Homicídios do Rio de Janeiro. Assassinado no dia 10 de outubro, o artista escreveu "Memória Viva", livro que homenageia Marielle Franco, vereadora também assassinada, em 2018. As informações são do G1.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

Olivero foi morto enquanto caminhava em uma rua da Tijuca, na Capital do Rio de Janeiro. De acordo com testemunhas, os tiros vieram de dentro de um carro. 

Leuvis deixou um filho e a namorada, com quem vivia no Rio de Janeiro.

Leuvis nasceu na República Dominicana e morava no Brasil há quase 10 anos. O escritor tinha 11 livros publicados, entre eles o de Marielle.

> Mercado Público de Florianópolis não será interditado, diz MP

A motivação do crime ainda não foi divulgada.

Leia também

Por que a Polícia Federal não consegue prender Zé Trovão

Quais os 7 animais peçonhentos que mais assustam moradores de Blumenau

Motoristas anunciam "torneio de golfe" nos buracos da BR-470; chuva atrapalha obras

Colunistas