O ministro dos Transportes, Renan Filho, apresentou ao governador Jorginho Mello (PL) e ao fórum parlamentar catarinense, nesta quarta-feira (1º), uma lista de obras que o governo federal pretende avançar ou entregar ainda este ano em Santa Catarina. A coluna teve acesso ao material apresentado pelo Ministério. A previsão de investimentos é de R$ 880 milhões, três vezes maior do que em 2022 – ainda assim, é ligeiramente menor do que o pedido do governador, que foi de R$ 1 bilhão.

Continua depois da publicidade

Receba mais notícias de SC via WhatsApp

O montante corresponde à soma entre os recursos previstos na Lei Orçamentária Anual (LOA) e sobras do exercício de 2022. Como adiantou Evandro de Assis em sua coluna, o ministro alertou que, para que as verbas sejam efetivadas, é necessário arrecadar mais. Para isso, o governo precisa garantir a aprovação da Reforma Tributária e do novo arcabouço fiscal.

O resultado do encontro de SC com o ministro dos Transportes

Veja como está dividida a previsão de investimentos:

Continua depois da publicidade

Previsão de investimentos do governo federal nas estradas de Santa Catarina

A lista de obras do Ministério dos Transportes inclui uma série de empreitadas com perspectiva de conclusão neste ano. A única obra que ainda terá que ser licitada é a instalação de terceiras faixas na BR-282.

Aumento da gasolina é bomba armada para Lula por Bolsonaro

Entregas previstas em 2023:

Obras prioritárias com entrega para 2023

O governador Jorginho Mello pediu ao ministro que seja revista a viabilidade da Ferrovia Leste-Oeste, conhecida como Ferrovia do Frango, que vai transportar as cargas congeladas do Oeste para os portos de Santa Catarina. Os estudos feito pela Valec, empresa estatal responsável pelos projetos de ferrovias, avaliaram que a proposta não seria factível devido ao alto custo. Mas a Fiesc propôs alternativas para baratear a execução. No material apresentado pelo Ministério, a ferrovia aparece apenas como trecho com estudo de viabilidade concluído.

Leia mais

Santa Catarina precisa de R$ 3 bilhões para melhorar rodovias, avalia CNT

Escândalo do lixo pode chegar a iluminação e saneamento e envolver outras empresas

Aluguel da Universidade da PRF em Florianópolis tem custo milionário

Escândalo do lixo tem filmagem de maços de dinheiro em frente a casa de prefeito

A vida de luxo do “braço direito” do Escobar Brasileiro em Balneário Camboriú

Destaques do NSC Total