nsc
nsc

ÚLTIMO RESQUÍCIO

Primeira tentativa de leilão da marca Sulfabril não atrai interessados

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
03/11/2021 - 16h49
Marcas de roupa são um dos últimos ativos ainda disponíveis da antiga empresa
Marcas de roupa são um dos últimos ativos ainda disponíveis da antiga empresa (Foto: Lucas Amorelli, BD)

Terminou sem propostas a primeira tentativa de venda do conjunto de marcas que pertenciam à antiga Sulfabril, incluindo a grife homônima. Em leilão on-line realizado na tarde desta quarta-feira (3), ninguém se dispôs a pagar pelo menos R$ 2,43 milhões por um dos últimos ativos ainda disponíveis de uma das maiores empresas têxteis de Blumenau e do Brasil no passado.

> Receba notícias de Blumenau e do Vale pelo WhatsApp

Agora, como já previa o edital, uma segunda tentativa de leilão já está automaticamente convocada para a próxima segunda-feira (8). A diferença é que, desta vez, o lance mínimo para as ofertas cai praticamente pela metade. Um potencial investidor pode levar as marcas por R$ 1,215 milhão, caso não haja disputa.

Além da marca Sulfabril, o pacote também inclui as grifes 3x4, Everteen, FlexBell, H.F. By H. Faith, Kissy Face, S, Salffy, SF Sulfabril, Turbine e Volt. O pagamento pode ser parcelado em até 48 vezes, com pelo menos 20% de entrada.

Em processos assim, é natural a primeira praça restar deserta. Investidores costumam aguardar a segunda chamada para arrematar bens por uma quantia menor. A conferir se será o caso no dia 8.

O leilão já deveria ter acontecido em julho de 2019, mas um imbróglio judicial relacionado a perícias distintas de quanto valem as marcas atrasou o processo.

Receba notícias e análises do colunista Pedro Machado sobre economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região pelo WhatsApp ou Telegram

Leia também

Sommerfest Blumenau 2022 vai exigir passaporte da vacina

Natal em Blumenau prevê chafariz com luzes e cores na Ponte de Ferro

Vice-presidente Hamilton Mourão cancela palestra em Blumenau

Furb facilita condições de pagamento para vender terreno gigante em Gaspar

Blumenau vai ganhar um strip mall, tipo diferente de shopping

Quais são as empresas bilionárias de Santa Catarina​

Cooper se prepara para entrar no atacarejo

Fundo que investiu no Burger King vai acelerar expansão de empresa de Blumenau​​

Calçadão Brueckheimer em Blumenau pode ganhar cobertura

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas