nsc
dc

ELEIÇÕES 2022

Candidatura de Sérgio Moro é dada como certa pelo Podemos

Ex-ministro aposta em órfãos da Lava Jato

16/10/2021 - 07h22 - Atualizada em: 16/10/2021 - 07h25

Compartilhe

Metrópoles
Por Metrópoles
Candidatura de Moro é dada como certa pelo Podemos
Candidatura de Moro é dada como certa pelo Podemos
(Foto: )

A candidatura à Presidência da República do ex-juiz federal e ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sérgio Moro em 2022 pelo Podemos é dada como certa por integrantes do partido, e a filiação é aguardada para novembro, quando Moro prometeu responder ao convite formal feito pela sigla.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

> DC e CBN fazem série de entrevistas com pré-candidatos ao governo de SC

A legenda aposta que o nome de Moro é o mais viável entre os que já surgiram para encarnar a chamada terceira via, ou seja, uma alternativa diante do cenário de polarização entre o petista Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o atual presidente, Jair Bolsonaro (sem partido), que vem conversando com o PP sobre a possibilidade de retornar aos quadros da legenda.

No Podemos, a candidatura do ex-ministro de Bolsonaro é vista como uma forma de angariar os votos dos “órfãos” da Lava Jato, ou seja, pessoas que defenderam a extinta força-tarefa liderada por Moro, em Curitiba.

Há cerca de duas semana, Moro teve uma reunião, em Curitiba, com membros do Podemos. Participaram do encontro a deputada Renata Abreu (SP) e os senadores Flávio Arns (PR), Álvaro Dias (PR) e Oriovisto Guimarães (PR).

Moro ficou de dar a resposta ao partido até o dia 15 de novembro, ou seja, duas semanas depois do término do contrato do ex-juiz, nos Estados Unidos, com a consultoria empresarial Alvarez e Marsal, que não permite atividade política durante a vigência.

Integrantes do partido tentaram convencer o ex-ministro de que há uma demanda pelo seu nome no país e de recuperação do discurso anticorrupção. A cúpula da sigla já prepara um evento para divulgar sua filiação.

Leia mais no Metrópoles, parceiro do NSC Total.

Confira também:

Eleições 2022: confira datas, prazos e o que se sabe até agora

Sérgio Moro pode concorrer a senador por Santa Catarina em 2022

"Tenho a tarefa de tirar o PT do isolamento político", diz Décio Lima (PT)

O que pretende Napoleão Bernardes com uma “carta aos catarinenses”

"O governo federal não está sendo justo com SC", diz Antídio Lunelli (MDB)

NSC lança o projeto SC Ainda Melhor para debater o futuro do Estado

Lula, Bolsonaro e ‘outras vias’: veja os pré-candidatos à presidência

Colunistas