nsc
    dc

    Tempo

    Chuva em SC causa enchentes, alagamentos e deslizamentos de terra

    Transtornos são registrados em municípios do Vale do Itajaí, Grande Florianópolis e Norte catarinense

    21/01/2021 - 07h40 - Atualizada em: 21/01/2021 - 13h19

    Compartilhe

    Por Guilherme Simon
    Redação
    Por Redação Santa
    Redação
    Por Redação AN
    Enchente em Benedito Novo
    A cidade de Benedito Novo, no Vale, na manhã desta quinta-feira (21)
    (Foto: )

    A chuva registrada nos últimos dias em Santa Catarina, e que segue nesta quinta-feira (21), causa estragos em cidades de diferentes regiões do Estado. Há ocorrências de deslizamentos de terra e alagamentos de ruas. Em Benedito Novo e Timbó, no Médio Vale do Itajaí, há registro de enchentes. O Rio Benedito, que corta as duas cidades, transbordou, deixando pessoas desabrigadas.

    > Saiba identificar e o que fazer em caso de deslizamento de terra

    Na cidade de Benedito Novo, às 9h o rio marcava 5,42 metros. Conforme a Defesa Civil, 4,60 metros é a linha de corte da cota de enchente. Cerca de 50 imóveis já foram atingidos pela água. As regiões Central e o Alto Benedito são as que mais preocupam a Defesa Civil nesta manhã.

    Em Timbó, a medição feita às 10h mostrava que o nível do rio atingia a marca de 6,80 metros. São quase 60 centímetros a mais em relação a cinco horas antes. Até as 10h, o bairro Imigrantes era o mais atingido pelas águas. 

    Em Blumenau, também no Vale, o nível do Rio Itajaí-Açu atingiu a marca de 6,03 metros às 12h desta quinta. Com isso, a cidade entra oficialmente em estado de alerta, conforme protocolo da Defesa Civil. 

    > Chuvas aumentam vazão de cachoeira no Rio Benedito, no Vale do Itajaí

    Ao menos 44 deslizamentos de terra foram registrados pela Defesa Civil municipal, além de quatro quedas de muro, sete quedas de árvore e quatro alagamentos até o início da manhã. Não há desabrigados ou desalojados até o momento.

    Enchente em Benedito Novo
    Benedito Novo, no Médio Vale do Itajaí, na manhã desta quinta-feira (21)
    (Foto: )
    Rio Benedito em Timbó
    Rio Benedito, em Timbó, por volta das 9h30min desta quinta-feira (21)
    (Foto: )

    Na cidade de Rio dos Cedros, no Vale, a Defesa Civil retirou três pessoas da mesma família de uma casa na comunidade de Rio Herta e a levou para um abrigo provisório, de acordo com informações do G1 SC. O local está sendo monitorado, e há risco de novos deslizamentos. A prefeitura do município também monitora o nível do Rio dos Cedros, que chegou a 5,71 metros por volta das 5h desta quinta.

    Deslizamento de terra em Blumenau
    Deslizamento na Rua Johann Sache, no Badenfurt, em Blumenau
    (Foto: )

    Grande Florianópolis

    Em Florianópolis, pontos de alagamentos foram registrados. Segundo a Defesa Civil, choveu 107 mm em 24 horas na cidade, entre o início da manhã de quarta e o início da manhã de quinta. A chuva causou transtornos em bairros como Ingleses, Tapera, Campeche e Rio Tavares. Ao menos três deslizamentos foram registrados até o início da manhã. Trechos da rodovia SC-405 alagaram. 

    > Veja como receber alertas de temporal da Defesa Civil de SC e evitar notícias falsas

    Rua alagada em Florianópolis
    Rua alagada em Florianópolis na localidade de Costa de Dentro
    (Foto: )

    Segundo a Prefeitura de Florianópolis, a chuva deve persistir até o próximo fim de semana. A prefeitura também informou que a Defesa Civil já está tomando as providências para diminuir os problemas causados pelo volume de água. 

    Em São José, ainda na Grande Florianópolis, também houve pontos de alagamento. Árvores caíram em fios de energia elétrica no bairro Ipiranga. A Celesc precisou ser chamada e a distribuição de luz foi interrompida. 

    Deslizamento na Lagoinha do Norte, em Florianópolis
    Equipes da Defes Civil atuam na Estrada Jornalista Jaime de Arruda Ramos, Lagoinha do Norte, em Florianópolis
    (Foto: )

    Alagamento nos Ingleses
    Rua alagada no bairro Ingleses, no Norte da Ilha, em Florianópolis
    (Foto: )
    Queda de árvore em São José
    Queda de árvore em Sao José, na Grande Florianópolis
    (Foto: )

    Norte de SC

    No Norte catarinense, pontos de alagamento foram registrados pela Defesa Civil principalmente nas cidades de Joinville, Canoinhas, Garuva, Mafra e Itapoá

    Em Joinville, a região da estrada Dedo Grosso estava totalmente alagada na manhã desta quinta-feira (21). Moradores ficaram ilhados e precisaram de apoio da Defesa Civil. O município segue em estado de alerta em razão da previsão de chuva para as próximas horas. Segundo a Defesa Civil, já foram 132 mm de chuva em 72 horas.

    Alerta de mais chuva

    Nesta quinta, a Epagri/Ciram, órgão que monitora as condições do tempo em Santa Catarina, reforçou alerta para chuvas intensas e persistentes no Estado. Conforme o órgão, ele vale para o período entre esta quinta e o fim da tarde de sexta (22), sobretudo para Grande Florianópolis, Médio e Baixo Vale do Itajaí e Litoral Norte.

    Ainda segundo a Epagri/Ciram, a condição de chuva intensa e persistente conta com volumes totais elevados, de 60 a 80 mm em média de chuva, e pontuais acima de 100 mm. O risco de alagamentos e deslizamentos é considerado alto.

    Leia também

    > Alesc vai decidir se Júlio Garcia continua preso e mantém mandato ainda nesta quinta-feira

    > Bombeiros e Defesa Civil orientam como evitar riscos durante chuva forte

    > SC tem suspeita de contaminação pela variante amazônica do coronavírus

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas