nsc
hora_de_sc

Atenção

Chuva forte em Santo Amaro da Imperatriz faz rio transbordar e deixa população em alerta

Choveu mais de 157 milímetros em 24 horas, segundo a Epagri/Ciram

12/10/2021 - 11h34 - Atualizada em: 12/10/2021 - 15h04

Compartilhe

Maria Eduarda
Por Maria Eduarda Dalponte
Chuva aumentou o nível dos rios em Santo Amaro da Imperatriz
Chuva aumentou o nível dos rios em Santo Amaro da Imperatriz
(Foto: )

A chuva persistente na Grande Florianópolis causa estragos em Santo Amaro da Imperatriz nesta terça-feira (12). A cidade registrou três deslizamentos nesta manhã, mas o que preocupa é o nível dos rios e os alagamentos em toda a extensão do município.

> Receba notícias de Florianópolis e região pelo WhatsApp

— O maior problema agora é o alagamento. Várias rodovias estão interditadas. Está começando a alagar a parte de baixo da cidade, os bairros Sul do Rio, Sertão e Braço São João — afirma Adriano Medeiros Caldas, coordenador da Defesa Civil de Santo Amaro de Imperatriz.

Um dos pontos críticos da cidade é a divisa com Palhoça, entre os bairros Sul do Rio e Alto Aririú. Estradas estão interditadas no local. O Rio Cubatão, que atravessa os dois municípios, apresenta uma grande vazão e um nível elevado da água, chegando a transbordar próximo a BR-282.

> Primavera começa com show de belas imagens em SC

O Rio da Vargem do Braço também está com um nível alto e transbordou próximo à Cascata Cobrinha de Ouro, no bairro Braço São João. O Rio Matias, que está na mesma situação, ainda não transbordou ao longo do curso.

A água começou a atingir as casas na manhã desta terça (12). A equipe da Defesa Civil está nas ruas atendendo quem precisa, mas não há pessoas desalojadas. O número de ocorrências não foi contabilizado. A recomendação é para que as pessoas não saiam de casa.

A chuva em Palhoça

Assim como Santo Amaro da Imperatriz, Palhoça tem pontos alagados praticamente em todo o município. Os bairros Caminho Novo e Pagani estão entre os mais críticos. No bairro Bela Vista, um deslizamento de terra foi registrado. Uma casa foi atingida e não houve feridos. Em outra ocorrência, o Corpo de Bombeiros fez o resgate de uma senhora e uma criança ilhadas no bairro Alto Aririú, na rodovia às margens da BR-282.

> Outubro começa com previsão de chuva forte e volumosa em SC

Acumulado de chuva nas últimas 24 horas

Segundo a Epagri/Ciram, órgão que monitora as condições climáticas no Estado, as cinco cidades mais atingidas pelas chuvas constantes em Santa Catarina entre segunda e terça-feira estão na Grande Florianópolis.

  • 178 milímetros em Palhoça
  • 157,6 milímetros em Santo Amaro da Imperatriz
  • 104,4 milímetros em Antônio Carlos
  • 103,2 milímetros em Águas Mornas
  • 76,6 milímetros em São José

> Cobra é encontrada viva dentro de couve-flor em Florianópolis

Até quando vai chover em SC e por que esse frio em pleno outubro?

Santa Catarina está na terceira semana chuvosa seguida e a previsão dos meteorologistas da Epagri/Ciram é de que fique assim até a metade da próxima semana, o que mantém a temperatura mais baixa. Condições mais favoráveis a aberturas de sol lá no dia 22 de outubro. Veja mais detalhes.

Leia também

Jovem morta após assédio sonhava em fazer faculdade

"Praticamente balneável", diz Casan sobre Beira-Mar Norte

Com salário de R$ 5 mil, dispara procura por vaga de professor

Colunistas