nsc
hora_de_sc

Milagre?

Foto de bebê segurando DIU gera polêmica sobre eficácia; entenda

Método contraceptivo é um dos mais usados no mundo e previne a gravidez em 99% dos casos

08/07/2021 - 10h17 - Atualizada em: 08/07/2021 - 13h30

Compartilhe

Brenda
Por Brenda Bittencourt
Bebê segura DIU após o nascimento
Bebê segura DIU após o nascimento
(Foto: )

A foto de um parto onde um bebê apareceu em foto segurando um DIU logo após o nascimento causou polêmica. Isso porque o método contracepctivo é um dos mais eficientes quando o assunto é não engravidar. Na foto, o recém-nascido segurava o objeto como se fosse um brinquedo. A imagem fez colocar em dúvida o método mais utilizado no mundo para evitar uma gravidez indesejada.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

Mas, o que é um DIU e como ele funciona? A foto publicada é montagem? O método pode falhar? Continue lendo e saiba tudo o que é necessário sobre o assunto.

O que é DIU?

O Dispositivo Intrauterino (conhecido como DIU) é um dos métodos mais comuns quando o assunto é prevenção de gravidez. Ele, assim como a pílula anticoncepcional, é utilizado por mulheres que não desejam engravidar. O DIU fornece uma opção não-cirúrgica para a prevenção da gravidez e é tão eficaz quanto a esterilização cirúrgica.

DIU pode ser utilizado por toda as mulheres
DIU pode ser utilizado por toda as mulheres
(Foto: )

> Dor de cabeça pós-Covid; entenda a sequela da doença

Como o DIU funciona?

O DIU é um dispositivo em formato de 'T' que é colocado no útero como método contecepctivo, ou seja, para evitar a gravidez indesejada. Atualmente, há quatro modelos de DIU de cobre, de prata, de ouro ou hormonal.

O impedimento da gestação ocorre em dois processos simultâneos: uma inflamação no interior do útero e também pela liberação de íons ou hormônios.

> Olimpíadas 2021: quais são os países participantes

Foto polêmica do bebê é montagem?

De acordo com informações do G1, a mãe do bebê, engravidou usando o DIU. O nascimento foi divulgado nas redes sociais e registrado pela fotógrafa Mi Oliveira, que colocou intencionalmente o dispositivo na mão do bebê para registrar o fato raro.

Quando um bebê é concebido, ele não tem contato com o DIU na gestaçãom, mesmo que os dois fiquem dentro do útero materno, o bebê fica envolvo no saco amniótico.

> Cirurgia de aumento do pênis; conheça o procedimento

Mas se é um dos mais seguros, pode falhar?

Ainda que seja 99% eficiente, o DIU pode sim, falhar. Mulheres que possuem o dispositivo precisam fazer ao menos uma avaliação com o ginecologista por ano. Essa ida ao médico é necessária para ver se o dispositivo está posicionado corretamente, uma vez que a taxa de falha está relacionado ao deslocamento do dispositivo.

> 4 motivos para não escolher a marca da vacina contra a Covid-19

Quem pode usar o DIU?

O método anticontraceptivo pode ser utilizado por mulheres de diferentes idades, desde a adolescência até a menopausa. 

O Sistema Único de Saúde (SUS) disponibiliza DIU de cobre em Unidades Básicas de Saúde (UBS) e em hospitais com atendimento ginecológico. 

Com informações de Bruna de Alencar, G1

Gravidez e Covid-19

Leia também

Conta de luz aumentou? Veja como economizar energia elétrica

Serra Catarinense: conheça 5 cidades para visitar no inverno

Golpe do PIX agendado é verdade? Entenda

Baba Vanga: veja todas as previsões da vidente que previu a pandemia de Covid-19

Colunistas