As gestões do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e da governadora em exercício, Daniela Reinehr (sem partido), foram avaliadas por eleitores de Blumenau na pesquisa do Instituto Paraná de Pesquisas, contratada pela NSC Comunicação. Bolsonaro tem 51,3% de aprovação, enquanto a atuação de Daniela nos primeiros 15 dias à frente do Executivo catarinense, após o afastamento do governador Carlos Moisés da Silva (PSL), é vista como regular por 27,6% dos entrevistados.

Continua depois da publicidade

> Pesquisa em Blumenau: Hildebrandt mantém vantagem com cenário de 2º turno indefinido

O levantamento foi feito entre 8 e 11 de novembro e entrevistou por telefone 660 eleitores em Blumenau, devido à pandemia de coronavírus. A margem de erro é de 4 pontos percentuais para mais ou menos. O índice de confiança, a probabilidade de os resultados retratarem o atual cenário eleitoral, é de 95%.

> Evandro de Assis: Ascensão de Odair Tramontin é o fato novo das Eleições 2020 em Blumenau

Avaliação de Bolsonaro é positiva

Na maior cidade do Vale do Itajaí, o presidente da República tem 51,3% de aprovação, número semelhante ao registrado na pesquisa do mês passado. São pessoas que disseram considerar a gestão dele boa ou ótima. Já 25% avaliam como regular e 21,8% desaprovam o presidente, apontando o trabalho dele como ruim ou péssimo. Apenas 1,8% não respondeu ou não soube analisar.

Continua depois da publicidade

Primeiras impressões sobre Daniela como governadora em exercício

Quando as perguntas sobre o presidente e a governadora foram feitas, Daniela completava duas semanas de gestão. A então vice passou a ocupar a cadeira em 27 de outubro, como governadora em exercício, devido ao afastamento de Carlos Moisés, que em até 180 dias deve ter julgado definitivamente o processo de impeachment por causa da equiparação salarial dos procuradores do Estado.

Com isso, a maior parte dos entrevistados (39,1%) disse não ter capacidade para avaliar ou opinar sobre a gestão de Daniela. Entre os que souberam, 27,6% consideram o trabalho regular e 20,1%, ótimo ou bom. Os demais 13,2% afirmam que a administração da governadora é ruim ou péssima.

Outras três pesquisas a pedido da NSC já foram realizadas em novembro avaliando a gestão de Jair Bolsonaro e a administração estadual. A pesquisa Ibope trouxe as impressões dos eleitores de Florianópolis, onde Bolsonaro tem 53% de reprovação. O levantamento do Instituto Paraná de Pesquisas ouviu os eleitores de Chapecó, que têm posição oposta aos moradores da Capital: 50,6% aprovam a atuação do presidente. Há ainda o levantamento com eleitores de Criciúma: 48,3% aprovam Bolsonaro.

FICHA TÉCNICA

Período avaliado: entre 8 e 11 de novembro de 2020

Amostra: 660 eleitores

Método: a pesquisa foi feita por telefone, devido à pandemia da Covid-19

Margem de erro: a máxima estimada é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos

Nível de confiança: 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral.

Continua depois da publicidade

Solicitante: pesquisa contratada por NSC Comunicação

Registro no TSE: sob o número SC-02273/2020

Leia mais sobre pesquisas:

Pesquisa em Criciúma: 48,3% aprovam Bolsonaro; Daniela Reinehr tem avaliação regular

Pesquisa em Chapecó: 50,6% aprovam Bolsonaro; Daniela Reinehr tem avaliação regular

Pesquisa Ibope: cresce reprovação a Bolsonaro em Florianópolis; prefeito Gean é elogiado por 66%

Eleições 2020: confira as pesquisas em Florianópolis, Criciúma, Chapecó, Blumenau e Joinville

Destaques do NSC Total