nsc
dc

Pandemia

SC teve oito mortes de crianças entre 5 e 11 anos antes de vacinação da faixa etária contra Covid

Cerca de um mês após aprovação da Anvisa, primeiras doses para esse público serão neste sábado (15)

15/01/2022 - 06h16 - Atualizada em: 15/01/2022 - 08h46

Compartilhe

Luana
Por Luana Amorim
Vacinação em crianças será feita com as doses que chegaram nesta sexta-feira ao Estado.
Vacinação em crianças será feita com as doses que chegaram nesta sexta-feira ao Estado.
(Foto: )

Ao menos oito crianças, entre 5 e 11 anos, morreram por complicações da Covid-19 antes do início da vacinação desta faixa etária em Santa Catarina. As informações são do Painel do Coronavírus do NSC Total, atualizado com dados da Secretaria de Estado da Saúde (SES). As primeiras doses para esse público-alvo no Estado devem ser aplicadas neste sábado (15). 

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

A primeira morte por Covid nesta faixa etária foi registrada em 31 de dezembro de 2020. A vítima foi um menino, de 9 anos, morador de Mirim Doce, no Alto Vale Vale do Itajaí. O caso comoveu a primeira cidade já que o pequeno Davi Novaes Stehl era ativo, brincalhão e um grande aventureiro.

Já o último óbito ocorreu em outubro de 2021, em Itajaí. A criança era uma menina também de nove anos. 

> Não vacinados contra Covid são 80% dos internados em UTIs de Blumenau

De acordo com o Painel, entre as vítimas, cinco eram do gênero feminino e três do masculino. Além disso, em apenas três casos os pacientes tinham algum tipo de comorbidade.

Veja as cidades e idades das crianças mortas em SC: 

  • Sombrio, em 1 de abril de 2021 - 5 anos; 
  • Criciúma, em 24 de março de 2021 - 6 anos;
  • Forquilhinha, em 23 de maio de 2021 - 8 anos; 
  • Concórdia, em 23 de fevereiro de 2021 - 8 anos;
  • Itajaí, em 30 de outubro de 2021 - 9 anos; 
  • Mirim Doce, em 31 de dezembro de 2020 - 9 anos; 
  • Chapadão do Lageado, em 27 de maio de 2021 - 10 anos; 
  • Rodeio, em 28 de outubro de 2021 - 11 anos. 

> ​É falso que comprovante de vacina contra Covid será exigido na matrícula de escolas em SC

Vacina começa a ser aplicada neste sábado

Santa Catarina recebeu a primeira remessa de vacinas para crianças nesta sexta-feira (14). Ao todo, 39,8 mil doses chegaram no Estado e devem ser distribuídas aos municípios ao longo deste sábado (15).

Segundo a estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), são 642.800 crianças catarinenses, de 5 a 11 anos, que podem receber o imunizante. O quantativo recebido nesta sexta é suficiente para aplicar em pouco mais de 6% da população.

— É um percentual pequeno. Nós recebemos com certo atraso, essa liberação da Anvisa aconteceu há mais de três semanas, mas as [crianças com] comorbidade, aquelas crianças que são mais frágeis, terão prioridades — disse o secretário de saúde, André Motta Ribeiro.

SC tem recorde de casos ativos 

Em meio ao início da vacinação de crianças, Santa Catarina atingiu o novo recorde preocupante nesta sexta-feira (14): 45.914 ativos - são 7.828 a mais em relação a quinta. Esse é o maior número de pacientes, ainda com possibilidade de transmitir o vírus, registrados no Estado desde o início da pandemia, segundo o Painel do Coronavírus do NSC Total.

Ao todo, 281 cidades catarinenses têm casos ativos da doença. Quem lidera a lista é Florianópolis, com 8.689 contaminados, seguida de Joinville (3.566) e Chapecó (2.276).

Também nesta sexta-feira foram confirmados mais 9.721 casos, totalizando 1.296.019 desde o início da pandemia. Em relação às mortes, foram mais 15. Agora, o total de vítimas em Santa Catarina é de 20.264.

Leia também

Criança indígena é a primeira a ser vacinada contra Covid-19 no país

Servidor com suspeita de Covid recusa teste, vai trabalhar e causa confusão em Guaramirim

Homem passa mal em fila para teste de Covid e espera na calçada em Florianópolis

Colunistas