nsc
nsc

Pesquisa

Ônibus não é alternativa para o blumenauense parado nas filas

Compartilhe

Evandro
Por Evandro de Assis
26/09/2021 - 17h18
Menos de 20% dos entrevistados pretendem usar mais o transporte coletivo no pós-pandemia
Menos de 20% dos entrevistados pretendem usar mais o transporte coletivo no pós-pandemia (Foto: Patrick Rodrigues, BD, Santa)

A semana que combinou chuva, obras e mudanças no trânsito sublinhou o problema crônico na locomoção entre os bairros de Blumenau e o Centro. Muita gente irritou-se com a demora para percorrer trajetos curtos. Estado de coisas preocupante se considerado o texto geral da mobilidade e o que pensa a população sobre o assunto.

> Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp.

Pesquisa recente do Projeto Focus, da Furb, mostra que aplicativos de transporte, como Uber e 99, são vistos pelo blumenauense como melhor solução do que os ônibus. Quase 68% consideram o serviço dos apps bom ou ótimo. Só 25% pensam o mesmo dos coletivos e 16% da malha cicloviária.

No pós-pandemia, menos de 20% dos entrevistados pretendem usar mais o transporte coletivo, contra 49% dos aplicativos e 30% para bicicletas. Deve-se levar em conta que 88% dos 376 entrevistados têm ao menos o ensino superior incompleto. Ou seja, os números traduzem os planos de quem, via de regra, pode pagar por alternativas mais caras de transporte.

O levantamento do Focus, por outro lado, aponta para outra tendência, esta um alento ao tráfego. Cerca de 53% dos entrevistados pretendem adotar "em alguma medida" o trabalho remoto ao invés de deslocar-se diariamente. Quase 77% preveem que usarão mais a internet para estudar e fazer cursos. O que a pandemia trouxe como obrigação surge agora como escolha diante da dificuldade de se deslocar ao trabalho ou escola.

Se o subsídio milionário da prefeitura ao transporte coletivo veio para ficar, ele precisa servir ao propósito de trazer mais usuários ao sistema, reduzindo a dependência futura de financiamento direto do poder público. Hoje, o investimento apenas mantém um serviço que se mostra pouco atraente.

Um primeiro passo para readequar o planejamento urbano de Blumenau às necessidades dos cidadãos é ouvi-los.

Receba textos e vídeos do colunista Evandro de Assis direto no WhatsApp. Basta clicar aqui.

Leia também

Rua 7 de Setembro, em Blumenau, terá ciclofaixa com dois metros de largura

Documentário europeu celebra Hans Broos, arquiteto que deixou marcas em SC

Hildebrandt turbina segundo mandato em Blumenau com R$ 480 milhões em empréstimos

Salário maior para professores em SC estimula procura por licenciaturas em Blumenau

Evandro de Assis

Colunista

Evandro de Assis

Notícias e comentários exclusivos sobre o cotidiano de Blumenau e do Vale do Itajaí.

siga Evandro de Assis

Evandro de Assis

Colunista

Evandro de Assis

Notícias e comentários exclusivos sobre o cotidiano de Blumenau e do Vale do Itajaí.

siga Evandro de Assis

Mais colunistas

    Mais colunistas