nsc
nsc

Reconhecimento

Fundador da Kyly, de Pomerode, recebe a principal honraria da indústria de SC

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
23/10/2021 - 12h31
Salézio José Martins participou de solenidade de homenagem nesta sexta-feira
Salézio José Martins participou de solenidade de homenagem nesta sexta-feira (Foto: Filipe Scotti, Divulgação)

O fundador da Kyly, Salézio José Martins, recebeu nesta sexta-feira (22) a Ordem do Mérito Industrial de Santa Catarina, principal honraria concedida anualmente pela Federação das Indústrias (Fiesc) a personalidades e empresas que têm notória contribuição para o desenvolvimento do setor e do Estado. O evento em Florianópolis contou com participação de peso de nomes importantes da economia catarinense, além do governador Carlos Moisés.

> Receba notícias de Blumenau e do Vale pelo WhatsApp

Criada em 1985 na garagem da casa da família, a Kyly começou fornecendo para pequenas confecções – alguns antes anos, Salézio havia comprado dois teares usados da Cia. Hering para complementar a renda. Na década de 1990, passou a apostar em coleções para crianças, tornando-se mais tarde referência nacional em moda infantil, com mais de 2 mil funcionários, presença em mais de 10 mil lojas multimarcas e exportação para mais de 30 países.

Além de Martins, que representou o Vale na cerimônia, também foram homenageados os industriais Fernando Cestari de Rizzo (Tupy, de Joinville), Gelson Dalla Costa (Apti Alimentos, de Chapecó), Sirivaldo José Barbieri (Pioneiro Baterias, de Treze Tílias) e Ricardo Minatto Brandão (Brametal, de Criciúma). 

A cerimônia também reconheceu o empresário Júlio Tedesco, ícone do setor turístico catarinense, que morreu em fevereiro vítima de complicações provocadas pela Covid-19. A família Tedesco tem negócios em Balneário Camboriú, entre eles o Parque Unipraias, o Barco Pirata, a Tedesco Marina Garden Plaza e, mais recentemente, o Atracadouro Barra Sul, onde aportam viagens de cruzeiro.

Já o diretor da Fiação São Bento, Horst Maul, recebeu uma homenagem especial pelos 76 anos dedicados à indústria, enquanto Vicente Donini, do Grupo Marisol, de Jaraguá do Sul, foi agraciado com a comenda nacional, conferida pela Confederação Nacional da Indústria.

Os homenageados (da esquerda para a direita): Vicente Donini, Fernando Rizzo, Sirivaldo Barbieri, Salézio Martins, Ricardo Brandão, Vani Tedesco (viúva de Júlio Tedesco) e Gelson Dalla Costa
Os homenageados (da esquerda para a direita): Vicente Donini, Fernando Rizzo, Sirivaldo Barbieri, Salézio Martins, Ricardo Brandão, Vani Tedesco (viúva de Júlio Tedesco) e Gelson Dalla Costa
(Foto: )

— Os novos comendadores são a essência, a reafirmação da diversidade da indústria catarinense. A todos os homenageados o respeito e a estima do sistema industrial brasileiro. Empresários como os que receberam a comenda são responsáveis pela pujança da economia do Estado, pela modernidade das empresas e pela diversificação da indústria — discursou Amaro Sales de Araújo, chanceler da Ordem do Mérito da CNI.

A cerimônia incluiu a entrega da Ordem do Mérito Industrial dos anos de 2020 e 2021, já que no ano passado a solenidade foi suspensa em função da pandemia.

Receba notícias e análises do colunista Pedro Machado sobre economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região pelo WhatsApp ou Telegram

Leia também

Empresa de Blumenau é comprada por agência gaúcha de marketing digital

Calçadão Brueckheimer em Blumenau pode ganhar cobertura

Ponto do antigo Butiquin Wollstein em Blumenau dá lugar à cafeteria de rede gaúcha

Condomínio de luxo em Gaspar terá quase 30 mil m² de lagos artificiais

Empresa blumenauense de tecnologia PagueVeloz é comprada pela gigante Serasa​​​

Projeto prevê restaurante em terreno com casa histórica no Centro de Blumenau

Mercado público de Blumenau será maior que o previsto e está orçado em R$ 25,3 milhões

50 propagandas antigas de Blumenau que parecem estranhas, mas que já fizeram sentido

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas