nsc
santa

Mundo Animal

Cardume de raias aparece no mar de Balneário Camboriú; veja vídeo

Peixes estavam próximos aos banhistas, na região Barra Sul

07/02/2021 - 16h26 - Atualizada em: 07/02/2021 - 19h29

Compartilhe

Redação
Por Redação Santa
Cerca de 100 raias foram avistadas em Balneário Camboriú
Cerca de 100 raias foram avistadas em Balneário Camboriú
(Foto: )

Um cardume de cerca de 100 raias foi avistado na tarde deste domingo (7) no mar de Balneário Camboriú, no Litoral Norte de SC. Os peixes estavam próximos aos banhistas, na região Barra Sul.

> Saiba como receber notícias do NSC Total no WhatsApp

> Garimpo ilegal é descoberto pela polícia na região de Blumenau

Conforme o professor e curador do Museu Oceanográfico da Universidade do Vale do Itajaí (Univali), Jules Soto, esses animais não representam risco aos banhistas, já que a raia só ataca se for encurralada e agarrada.

— Não existe nenhuma referência bibliográfica que fale de um ataque deliberado de uma raia contra um humano. Algumas raias de certas famílias possuem esporões [popularmente chamado de 'ferrão'], que são extremamente dolorosos e grandes raias que têm esses ferrões são perigosas quando manuseadas — afirmou. 

> Ânderson Silva: o alerta que vem do Oeste de SC por causa da Covid-19

> Pedro Machado: taxistas de Blumenau desistem do serviço em meio ao crescimento de aplicativos

Veja o vídeo:

Soto explica que os animais são da família Rhinoptera, mas não foi possível identificar a espécie por meio dos vídeos. Segundo ele, é possível que sejam raias-beiço-de-boi ou raias-águia, que são animais de "meia-água", ou seja, não ficam no fundo do mar. 

> Marina catarinense é a primeira no Brasil a receber "ISO ambiental"

O professor comemorou a cena incomum registrada neste domingo:  

— Ficou cada vez mais raro se ver, pois a costa gaúcha e catarinense eram áreas mais usadas pelos animais para se reproduzirem. A presença delas é um ótimo sinal na enseada de Balneário Camboriú, que a gente considera tão alterado no ambiente.

*Com informações de G1

Leia também

Vespas asiáticas "assassinas" são encontradas pelo mundo

Galo que bota ovos vira atração no Meio-Oeste de SC

Os custos das catástrofes climáticas de 2020

Cobras venenosas em Santa Catarina; saiba mais e quais os cuidados

Colunistas