nsc
dc

Eleições 2020

Ibope Florianópolis: pesquisa aponta chance de Gean Loureiro vencer no 1º turno

Atual prefeito tem 57% das intenções de voto e lidera com folga a corrida pela prefeitura da Capital na última pesquisa antes da eleição

14/11/2020 - 18h18 - Atualizada em: 14/11/2020 - 18h33

Compartilhe

Lucas
Por Lucas Paraizo
Gean Loureiro
Segundo o Ibope, Gean também venceria possíveis cenários de segundo turno
(Foto: )

Gean Loureiro (DEM) tem chances de ser reeleito prefeito de Florianópolis ainda no primeiro turno das eleições 2020, conforme a última pesquisa do Ibope divulgada neste sábado (14), véspera da votação. Segundo o levantamento, o atual prefeito da Capital tem 57% do total de votos, contra 15% do segundo colocado, o candidato Elson Pereira (PSOL).

> Eleições 2020 em Santa Catarina: saiba tudo sobre a votação

A pesquisa foi encomendada pela NSC Comunicação e ouviu 805 eleitores entre os dias 12 e 13 de novembro em Florianópolis. A margem de erro do levantamento é de três pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral.

> Upiara Boschi: Ibope em Florianópolis mostra Gean imune às críticas dos adversários e reeleito domingo

O novo levantamento do Ibope mostra que Gean mantém a margem que o faria garantir a eleição ainda no primeiro turno. Na primeira pesquisa, em 5 de outubro, o candidato do DEM tinha 44% das intenções na pesquisa estimulada, quando é apresentado ao eleitor um disco com o nome de todos os candidatos, mas subiu para 58% no dia 2 de novembro e, agora, oscilou para 57%. Mesmo com a margem de erro aplicada, Gean ainda teria mais de 50% dos votos segundo o Ibope.

> Infográfico mostra os números das Eleições 2020 em Santa Catarina

Na segunda colocação há um empate técnico no limite da margem de erro entre os candidatos Elson Pereira (PSOL) e Pedrão (PL). Elson tem 15% (podendo variar entre 18% e 12% pela margem), enquanto Pedrão tem 9% (podendo oscilar entre 12% e 6%). Considerando apenas os votos válidos (quando se exclui os votos brancos, nulos e indecisos), a vantagem de Gean sobe para 62%, contra 16% de Elson.

Na sequência vem a candidata Angela Amin (Progressistas), que registrou 8% das intenções de voto conforme o Ibope. Ela está em um empate técnico com Pedrão, mas não com Elson. Todos os outros candidatos têm entre 0% e 1% das intenções.

> Eleições 2020 em Florianópolis: candidatos, medidas contra coronavírus e tudo sobre o 1º turno

Cenários de segundo turno

O Ibope perguntou aos entrevistados sobre dois possíveis cenários de segundo turno, considerando candidatos que nas pesquisas anteriores tinham pelo menos 10% das intenções de voto.

No cenário entre Gean Loureiro e Elson Pereira, o atual prefeito venceria o segundo turno com 66% dos votos contra 26%. Esta foi a primeira vez que o Ibope simulou esse cenário.

Já em um cenário envolvendo Gean e Angela, o atual prefeito tem 70% das intenções contra 16% da concorrente. Na simulação anterior, feita na pesquisa divulgada no dia 2 de novembro, Gean tinha 69% dos votos contra os mesmos 16% de Angela.

Angela é também a candidata com a maior rejeição, segundo o Ibope. A pesquisa mostra que 45% dos entrevistados não votariam nela de forma alguma, um aumento de cinco pontos percentuais em relação ao último levantamento. Os outros candidatos têm rejeição entre 7% e 14% e oscilaram dentro da margem de erro.

FICHA TÉCNICA

Período avaliado: entre 12 e 13 de novembro de 2020

Amostra: 805 eleitores

Método: a pesquisa foi feita de forma presencial, com os entrevistadores utilizando equipamentos de proteção individual devido à pandemia de coronavírus

Margem de erro: a máxima estimada é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos

Nível de confiança: 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral.

Solicitante: pesquisa contratada por NSC Comunicação

Registro no TRE-SC: sob o número 00237/2020

Leia mais sobre pesquisas em SC:

Eleições 2020: confira as pesquisas em Florianópolis, Criciúma, Chapecó, Blumenau e Joinville

Joinville: Krelling empata com Darci; cenário de 2º turno segue indefinido

Blumenau: Hildebrandt mantém vantagem com cenário de 2º turno indefinido

Criciúma: Clésio Salvaro sustenta favoritismo na disputa pela prefeitura

Chapecó: João Rodrigues mantém vantagem na disputa pela prefeitura

Colunistas