nsc
nsc

Política

Jornal da França relata episódios recentes em que política de SC se envolveu com nazismo

Compartilhe

Dagmara
Por Dagmara Spautz
12/10/2021 - 11h35
Candidato a vereador que decorou piscina com suástica é um dos episódios lembrados em artigo do Le Monde
Candidato a vereador que decorou piscina com suástica é um dos episódios lembrados em artigo do Le Monde (Foto: Divulgação, Polícia Civil)

Uma coluna do jornal francês Le Monde retratou como os simpatizantes do nazismo perderam a vergonha de dar as caras no Brasil. No texto, o correspondente Bruno Meyerfeld entrevista especialistas sobre o surgimento de um neonazismo “cada vez mais visível e descomplexado”, e reserva algumas referências a Santa Catarina, “berço histórico do nazismo brasileiro”.

Saiba como receber notícias do NSC Total no WhatsApp

Entre vergonhosos episódios recentes do neonazismo tupiniquim, o Le Monde resgata a história do cidadão que balançou uma bandeira nazista na sacada de um apartamento em área nobre de Florianópolis – e saiu ileso – e não poupa a política catarinense. O jornal francês relaciona dois episódios recentes em que a política de SC teve que explicar referências ao nazismo.

Justiça de SC nega prisão a suspeito de fabricar e vender objetos nazistas

Um deles foi a candidatura a vereador, em Pomerode, do professor de história que decorou a piscina de casa com uma suástica. “Em 2020, o Partido Liberal (PL, à direita) causou escândalo ao investir como candidato municipal na pequena cidade de Pomerode um professor de história, notório nazista, conhecido na região por ter pintado uma suástica para decorar o fundo de sua piscina” – relata o artigo. Ele acabou expulso do partido.

Prédio mais alto da América do Sul tem Neymar, Luan Santana e números recordes em Balneário Camboriú

Outro fato resgatado pelo Le Monde foi a dificuldade que a vice-governadora Daniela Reinehr teve quando, ao assumir o governo interinamente, durante o processo de impeachment do governador Carlos Moisés, precisou explicar o apreço do pai pelo nazimo. O jornal lembra que só depois de pressionada a vice-governadora se disse “contrária ao nazismo”. “A governadora interina do mesmo estado, Daniela Reinehr, recém-nomeada para o cargo, foi convocada para explicar as atividades de seu pai, Altair, um dos negadores mais famosos do país”, relata o Le Monde.

Por que o alargamento da praia em Balneário Camboriú atraiu tubarões

À vontade no Brasil de 2021

O correspondente ouviu especialistas como os antropólogos Adriana Dias, que mapeia o crescimento das células neonazistas brasileiras na internet, Alexandre De Almeida, especialista em grupos de extrema direita, e o historiador Odilon Caldeira Neto, professor de história contemporânea, para entender o cenário. O texto conclui que o neonazismo brasileiro é um fenômeno ultra-minoritário, de poucos extremistas que se encontram com a ajuda da internet. 

Prédio balança em Balneário Camboriú com vento e causa "ondas" em triplex de R$ 17 milhões

O surgimento de novos casos absurdos, como a fabricação e venda de objetos de divulgação do nazismo que foi identificada pela polícia e o Ministério Público em Timbó, por exemplo estaria mais relacionado à visibilidade do que à quantidade de neonazistas no Brasil. Na avaliação dos especialistas, os simpatizantes de Hitler estariam se sentindo representados no Brasil de 2021, e saindo das sombras.

Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz

Leia também

Teve reação à vacina da Covid-19? Saiba o que fazer

Entenda o conflito no Afeganistão com volta do Talibã ao poder em 10 perguntas e respostas​​​​

Variante Delta: veja a eficácia de cada uma das vacinas da Covid​​

Conheça os 16 animais mais estranhos e raros vistos em SC

As diferenças entre as vacinas da Pfizer, Astrazeneca e CoronavacReceba as principais informações de Santa Catarina pelo Whatsapp

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Dagmara Spautz

Colunista

Dagmara Spautz

O que acontece de mais relevante em boa parte do litoral catarinense, especialmente Itajaí e Balneário Camboriú. Fontes exclusivas e informações de credibilidade nas áreas de política, economia, cotidiano e segurança.

siga Dagmara Spautz

Mais colunistas

    Mais colunistas