nsc
nsc

NORMAS PARA EVENTOS

Baladas e shows de Blumenau precisarão exigir passaporte da vacina ou teste negativo de Covid-19

Compartilhe

Pedro
Por Pedro Machado
13/01/2022 - 18h00
Maiores de idade terão que comprovar ter tomado duas doses ou apresentar exame negativo
Maiores de idade terão que comprovar ter tomado duas doses ou apresentar exame negativo (Foto: Patrick Rodrigues, BD)

Baladas, bailes, shows, festivais, casas noturnas e estabelecimentos de Blumenau que promovem festas, em espaços abertos ou fechados, públicos ou privados, precisarão exigir o passaporte da vacina ou um exame negativo de Covid-19 do público. A determinação consta em decreto assinado nesta quinta-feira (13) pelo prefeito Mário Hildebrandt (Podemos), que fez o anúncio em transmissão nas redes sociais. A medida tem vigência imediata.

> Receba notícias de Blumenau e do Vale pelo WhatsApp

A normativa segue diretrizes estabelecidas em uma portaria da Secretaria de Estado da Saúde que regulamenta o chamado “Evento Seguro”. As regras incluem a obrigatoriedade, ao público com mais de 18 anos, de comprovação de esquema vacinal completo (ao menos duas doses) ou apresentação de um teste com resultado “negativo, não reagente ou não detectado”. No caso do exame RT-PCR, ele precisa ter sido realizado nas últimas 72 horas. No caso do teste de antígeno, deve ter sido feito há 48 horas.

Para pessoas entre 12 e 17 anos, será exigido pelo menos a primeira dose da vacina ou apresentação de um dos tipos de teste com resultado negativo. Mais jovens do que isso, que ainda não puderam se vacinar, devem estar acompanhados dos pais ou responsáveis e permanecer em espaços sem aglomeração. Em todos os casos, o uso de máscara continua sendo indispensável.

Pela portaria do Estado, a verificação e a fiscalização dos comprovantes de vacinação e dos testes negativos é de responsabilidade do organizador do evento, antes da entrada dos clientes. O público pode provar estar em dia com a imunização pelo aplicativo Conecte SUS ou levando o comprovante da aplicação da dose ou caderneta de vacinação.

O decreto baixado pela prefeitura de Blumenau também estabelece que todos os eventos, independentemente do número de participantes, devem elaborar um plano de contingência e solicitar autorização da Vigilância Sanitária. Na portaria do Estado, essa regra é exigida apenas para aqueles considerados “de massa”, com mais de 500 participantes.

Outras medidas

Durante a live, Hildebrandt também anunciou que a vacinação de crianças entre 5 e 11 anos, que precisarão apresentar CPF, será concentrada na Policlínica, ao lado da rodoviária. A prefeitura ainda não sabe quantas doses da Pfizer irá receber para aplicar nos pequenos, mas a expectativa é que a primeira carga chegue no próximo domingo (16).

O prefeito também confirmou informação antecipada pela coluna mais cedo, de que grandes empresas de Blumenau irão ceder os ambulatórios próprios para testagem de trabalhadores. Além disso, o município também pretende firmar convênios com farmácias e laboratórios para ampliar o alcance dos exames.

Na próxima semana, também será lançada uma chamada pública para convocação de 66 profissionais para a área de saúde. As unidades do município estão defasadas, com gente afastada por suspeita ou contaminação de Covid-19. Nesta quinta-feira (13), pelo menos 94 profissionais estavam nesta condição.

Receba notícias e análises do colunista Pedro Machado sobre economia, negócios e o cotidiano de Blumenau e região pelo WhatsApp ou Telegram

Leia também

Startup de Blumenau acerta fusão com concorrente de São Paulo

Complexo prisional de Blumenau avaliado em R$ 240 milhões será discutido em audiência pública

Tecnoblu mira liderança na América do Sul e quer ser referência mundial em moda, diz fundador

Empresa Unifique negocia naming rights da Praça da Estação em Blumenau

Mudança em lei pode dar fim à novela do Edifício América em Blumenau, diz advogado

Bolsonaro e Hildebrandt têm visões diferentes sobre férias e papel do gestor público

Praça de alimentação da Sommerfest Blumenau deve ser mantida mesmo com festa cancelada

Surto de Covid-19 em Blumenau acende sinal de alerta entre as empresas

Empresa de Blumenau é vendida por R$ 85 milhões a multinacional bilionária do Canadá

Unifique desembolsa R$ 75 milhões e compra duas empresas em 10 dias​​​​​

Marca Sulfabril é vendida e deve voltar ao mercado em 2022​​​​​​​​​

Antiga fábrica de centenária empresa de SC é comprada por R$ 37,5 milhões em leilão

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Pedro Machado

Colunista

Pedro Machado

Um olhar especializado na economia e nos negócios dos setores pulsantes de Blumenau e região.

siga Pedro Machado

Mais colunistas

    Mais colunistas