nsc
nsc

FInanças

Onde investir em 2022? Veja algumas opções

Em ano marcado por incertezas, especialistas recomendam diversificação e personalização da carteira

16/02/2022 - 16h46

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
Investimentos - Warren - NSC
Planejamento financeiro e acompanhamento profissional são fundamentais para alcançar um bom rendimento.
(Foto: )

Saber como e onde aplicar o dinheiro é uma dúvida comum entre os brasileiros. Segundo pesquisa da Anbima (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais), 54% da população não conhece nenhum outro produto de investimento além da poupança. Assim, acabam por perder oportunidades de investimentos mais rentáveis e alinhados ao seu perfil de risco.

Além da incompreensão ou da falta de educação financeira, até mesmo investidores experientes são cercados de incertezas. A volatilidade da bolsa, o reflexo e instabilidade da pandemia e as eleições presidenciais deste ano, estão entre os tantos fatores que exigem cautela na hora de escolher os investimentos para 2022.

Para quem espera uma fórmula mágica, ou indicações certeiras de onde e como investir, especialistas afirmam que não há como fazer recomendações genéricas, ou que sirvam para todo mundo, pois cada investidor tem um perfil de investimento que deve ser avaliado de acordo com seus objetivos e tolerância a riscos.

> Suas ações estão em queda? Veja o que fazer em momentos de crise

Um planejamento financeiro adequado com acompanhamento de um profissional de investimentos e foco no longo prazo é o mais recomendado para melhor direcionar as aplicações de acordo com o objetivo específico do investidor.

— Tudo vai depender da finalidade do investimento, do perfil de risco e de cada um dos objetivos pessoais do investidor — alerta Dionatan Silva, analista de investimentos da Warren.

Fica a dica: Carteira diversificada

Uma dica estratégica para investidores, independente da experiência e tempo de mercado, é a diversificação da carteira.

— Investir em diferentes classes de ativos, setores de mercado e, claro, pensar no longo prazo — recomenda o analista de investimentos da Warren.

Desta forma, é possível proteger o patrimônio de possíveis quedas sofridas por uma classe de investimentos, além de garantir uma variedade de aplicações em produtos com diferentes prazos de liquidez, ou seja, o tempo que leva para você poder liquidar um investimento e utilizar o dinheiro. Há um universo de possibilidades. Aqui listamos algumas opções disponíveis no mercado. Mas cabe o aviso: não se trata de recomendações de alocação. A ideia é que você conheça os produtos e só invista depois de descobrir o seu perfil de risco. O perfil de risco é descoberto a partir do processo de suitability, que você realiza ao criar conta em uma corretora como a Warren, para diferentes perfis de investimentos, dos conservadores aos de alto risco. Mas como alertado anteriormente, é fundamental que cada pessoa personalize sua carteira de acordo com seus objetivos, com ajuda de um especialista para ser mais assertivo nas aplicações.

Investimentos - Warren - NSC
Veja algumas opções de investimentos para os próximos meses.
(Foto: )

Conheça alguns dos investimentos que podem figurar na sua carteira, a partir, é claro, do seu perfil de risco:

Títulos e fundos de Renda Fixa

São investimentos que já tem rentabilidade previamente estabelecida. Assim, ela não possui tanta variação como a renda variável. Isso significa menor risco, mas também um menor potencial de retorno. A renda fixa é o investimento principal para investidores com perfil de risco conservador, sem tolerância para a volatilidade. Também é a alocação indicada para reservas de emergência. Exemplos de investimentos dessa categoria são os títulos do Tesouro Direto.

Mas atenção, o mercado em 2022 pode trazer algumas incertezas por conta dos cenários político e econômico. Portanto, os especialistas orientam a só investir se, de fato, você está disposto a lidar com os riscos.

Criptomoedas

2021 também ficou marcado pela ascensão do bitcoin, com a moeda valorizando mais de 80% no ano. Outras criptomoedas como a ether, também tiveram enorme valorização durante o ano.

Dentro dos ativos que estão à disposição do investidor, criptomoedas são umas das mais voláteis, ou seja, possuem um alto risco de valorizações e desvalorizações bruscas. A recomendação dos especialistas do mercado financeiro é para que a exposição seja feita via fundos de investimento, através de fundos de criptomoedas. Assim, você deixa a gestão da estratégia para o gestor do fundo, que analisará o mercado de criptomoeda e fará as melhores decisões para o seu patrimônio.

Ações

Quando você compra uma ação, você vira sócio de uma empresa, e a cotação das suas ações acompanham o valor de mercado da companhia. As ações são negociadas na bolsa e oscilam de acordo com a lei da oferta e da demanda. Então, quando tem muita gente querendo comprar, o preço sobe e quando tem muita gente vendendo, o preço cai.

É fundamental considerar que os papéis não estão desconectados das companhias. A valorização da ação está relacionada com toda a empresa.

— Não é mera especulação. Se uma organização vai bem, tem produtos e serviços de qualidade e uma participação no mercado crescente, a tendência é que suas ações se valorizem — ressalta Dionatan Silva.

Para decidir quais as melhores ações para integrar a sua carteira de investimento de 2022, é necessário submeter a uma análise de fundamentos e múltiplos das empresas, alinhados aos objetivos do investidor.

— Por exemplo, se a sua meta for viver de dividendos, é interessante procurar por empresas que remuneram os investidores com maior consistência e maior participação de lucros. Neste caso, procure por organizações maiores, consolidadas há algum tempo, e que já tenham grande participação no mercado e que distribuam os dividendos como forma de atrair novos investidores — orienta o analista.

> Afinal, é possível investir com 100 reais por mês?

Com isso em mente, vamos conhecer 4 papéis que os analistas da Warren estão de olho em 2022, a partir da performance que tiveram no ano anterior. Lembre-se: não se tratam de recomendações. Definir se estas são as melhores ações para o seu portfólio cabe somente a você. Vamos conferir:

  • JBS: as ações da JBS, uma das maiores empresas de alimentos do mundo, tiveram um ótimo desempenho em 2021. Os papéis inauguraram o ano passado valendo R$23 e fecharam a primeira semana de dezembro a R$34. Uma valorização de mais de 40%.
  • PetroRio: como maior empresa de exploração e produção de petróleo no Brasil, a PetroRio tem o objetivo de crescer e alcançar novos mercados em 2022, através de aquisições, sem deixar de lado a eficiência operacional. As ações da PetroRio encerraram 2020 custando R$14 e se valorizaram em 56% até o final da primeira semana de dezembro de 2021, quando o seu preço estava em, aproximadamente, R$22.
  • Klabin: é a maior produtora e exportadora de papéis do país. Suas ações fecharam 2020 custando R$26 e caíram para R$25 BRL até o final da primeira semana de dezembro de 2021. Uma queda de 5%. Nos 3 primeiros trimestres do ano registrou lucro de 2,3 bilhões, enquanto teve 3,7 bilhões de prejuízo, no mesmo período do ano anterior.
  • Vale: as ações da Vale, uma das maiores mineradoras, encerraram 2020 custando R$87 e ao final da primeira semana de dezembro de 2021, custavam R$76,33, caindo aproximadamente 12% no período. Seu lucro foi de R$90,6 bilhões no consolidado dos 3 primeiros trimestres de 2021, contra 23 bilhões do mesmo período do ano anterior.

Os analistas da Warren reforçam que quem irá definir o melhor investimento do seu perfil é você, sempre de acordo com os objetivos e metas e com a orientação de especialistas.

Sobre a Warren

A Warren é uma corretora criada em Nova Iorque, nos Estados Unidos, e lançada no Brasil desde 2017. Oferece uma maneira pioneira no Brasil de pensar o seu dinheiro: o investimento por objetivos, a partir de um modelo transparente. Em vez de escolher produto a produto, como ocorre em bancos e outras corretoras, o cliente constrói carteiras que correspondem às suas metas de vida.

Clique aqui e saiba como a Warren funciona.

Leia mais

Quiz: como está o seu planejamento financeiro?

Como calcular minha reserva de emergência?

Colunistas