nsc
dc

Abono Salarial

Pis/Pasep 2021 está disponível para saque até 30 de junho

Quem não sacar o benefício só terá direito de receber a quantia no calendário do próximo ano

02/06/2021 - 05h01 - Atualizada em: 25/06/2021 - 10h02

Compartilhe

Maria Eduarda
Por Maria Eduarda Dalponte
Saques do Pis/Pasep podem ser feitos na Caixa e no Banco do BrasilSaques do Pis/Pasep podem ser feitos na Caixa e no Banco do Brasil
Saques do Pis/Pasep podem ser feitos na Caixa e no Banco do Brasil
(Foto: )

O saque do abono salarial (Pis/Pasep) 2020/2021, referente ao ano-base 2019, pode ser feito até 30 de junho de 2021 por todos aqueles que têm direito de receber o benefício. Caso o beneficiário não saque a quantia, o valor ficará disponível somente no próximo calendário, referente ao ano-base de 2020.

> Pis/Pasep x Abono Salarial: entenda a diferença entre os benefícios e quem tem direito

> Receba notícias do NSC Total no WhatsApp

O trabalhador que não fizer o saque nas datas estipuladas tem direito ao abono salarial pelo prazo de cinco anos. É possível consultar a disponibilidade e os valores do Pis/Pasep pela internet, tanto para aqueles que já receberam, quanto para os que ainda devem sacar o benefício.

> Efeitos colaterais da astrazeneca; veja os sintomas mais relatados

Próximo calendário

O calendário de pagamento do Pis/Pasep 2021/2022 para aquelas pessoas que trabalharam pelo menos um mês em 2020, que usualmente começaria a ser pago em julho deste ano, foi transferido para 2022.

O governo informou que o calendário com base nos anos de 2020 e 2021 devem ser programados para serem pagos simultaneamente a partir de janeiro de 2022.

> Quina de São João sorteia R$ 190 milhões; apostas vão até o dia 26

> Pis/Pasep 2020/2021: Veja o que fazer se não recebeu

Quem tem direito ao abono salarial

Têm direito ao Abono Salarial os trabalhadores que atendem simultaneamente às seguintes condições:

• Estar cadastrado no PIS/PASEP há pelo menos cinco anos; • Ter recebido de empregador contribuinte do PIS/PASEP (inscrito sob CNPJ) remuneração mensal média de até dois salários mínimos durante o ano-base que for considerado para a atribuição do benefício; •Ter exercido atividade remunerada, durante pelo menos 30 dias, consecutivos ou não, no ano-base considerado para apuração; • Ter seus dados informados pelo empregador corretamente na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) do ano-base em questão.

> Por que vacinas da Covid-19 são jogadas no lixo?

> Pis/Pasep 2021/2022: pagamento que começaria no mês de julho foi adiado para 2022

O valor do Abono Salarial

O Abono Salarial é proporcional aos meses trabalhados no ano base do benefício. O valor máximo é de um salário mínimo, ou seja, R$ 1.100 neste ano. Quem trabalhou um mês, recebe R$ 92, aqueles que trabalharam dois meses ganham R$ 184 e assim sucessivamente.

> Pis/Pasep 2020/2021: calcule o valor que você deve receber

Como sacar o benefício

O abono salarial do Pis é pago aos trabalhadores do setor privado pela Caixa Econômica Federal, enquanto o pagamento do Pasep aos servidores públicos é feito pelo Banco do Brasil. Veja como sacar:

Como sacar o PIS na Caixa

• Quem possui o Cartão Cidadão pode efetuar o saque nos caixas eletrônicos da Caixa, Correspondentes Caixa Aqui e Lotéricas. • Quem não possui o cartão, deve procurar uma agência da Caixa e apresentar um documento oficial de identificação. Na ocasião, o trabalhador pode aproveitar para solicitar o Cartão Cidadão e cadastrar sua senha. • Quem possuir conta individual na CAIXA pode ter o benefício depositado diretamente na conta, caso haja saldo acima de R$1,00 e movimentação.

> 10 animais curiosos e estranhos do fundo do mar

Como sacar o Pasep no BB

Os pagamentos do abono salarial são realizados com crédito em conta corrente ou poupança do Banco do Brasil. Quem não recebeu o valor em sua conta, pode efetuar o saque em uma agência, com a apresentação de um documento oficial de identificação.

> Windows 11: tudo sobre o novo sistema operacional da Microsoft

Onde encontrar o número do Pis/Pasep

O número do PIS é o mesmo do NIS (Número de Identificação Social) e do NIT (Número de Identificação do Trabalhador).

Os números podem ser encontrados em alguns documentos:

• Carteira de trabalho • Extrato do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) • Cartão Cidadão (PIS) • Agência da Caixa, com documento oficial com foto (PIS) • Agência do Banco do Brasil, com RG e CPF (Pasep)

Leia também

Celesc é condenada a pagar R$ 240 mil por morte de criança

Morcego gigante australiano: conheça o animal que viralizou nas redes sociais

Perícias avaliam caso de estupro e tortura a homossexual em SC

Crianças desaparecidas há seis meses são encontradas em SC

10 pragas do Egito: veja quais são

Colunistas