nsc
    nsc

    Convenções

    Eleições 2020: Mário Kato representa a renovação da esquerda em uma cidade avessa a comunismo

    Compartilhe

    Evandro
    Por Evandro de Assis
    15/09/2020 - 17h07 - Atualizada em: 22/09/2020 - 14h10
    Médico da rede pública há 10 anos, Mário Kato disputa a primeira eleição
    Médico da rede pública há 10 anos, Mário Kato disputa a primeira eleição (Foto: Divulgação)

    Mário Kato é um dos rostos novos das Eleições 2020 em Blumenau. O médico do município representa uma tentativa de renovação no lado esquerdo do espectro político. Confirmado em convenção como candidato do PCdoB, ele pedirá votos a um eleitorado que, na maioria, sente calafrios ao ouvir a palavra "comunismo".

    > Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp. É só clicar aqui.

    Kato destacou-se como líder sindical na greve dos servidores municipais de 2019. O paulista de 46 anos de idade chamou atenção pelas falas articuladas em assembleias e redes sociais. Comunica-se em tom professoral, didático, experimentado por 10 anos de trabalho no Centro de Saúde do Idoso da prefeitura.

    Deve ancorar-se na experiência profissional como geriatra e sanitarista para defender, sob o lema de uma Blumenau mais acolhedora, a melhoria dos serviços públicos, especialmente os oferecidos às populações de baixa renda. Kato debaterá a pandemia de coronavírus de um lugar privilegiado, uma vez que conhece o sistema de saúde e tem formação específica na área de medicina preventiva.

    Apesar do currículo, não será tarefa fácil para o candidato defender as pautas do Partido Comunista do Brasil entre os blumenauenses. Enquanto lança-se como novidade, carrega uma tradição política que desperta pouca simpatia na cidade, a julgar pelos resultados da esquerda nas últimas eleições. Investirá tempo precioso discutindo conceitos de sociologia política com quem está mais interessado em trânsito, educação e emprego.

    Pela estrutura diminuta — até aqui o PCdoB não fechou coligação com outro partido e nem indicou candidato a vice-prefeito —, Mário Kato contará com poucos recursos e tempo mínimo para falar diretamente ao eleitor. Adversidade que pode ser fatal para um candidato pouco conhecido.

    Também não ajuda a fragmentação da esquerda no município, com quatro candidaturas postas, concorrência que reduz as chances do candidato chegar a um segundo turno. Será necessário apresentar ao eleitor algum aspecto que o diferencie dos demais.

    A candidatura do médico neste ano tem jeito de projeto para o longo prazo, seja com o objetivo de puxar votos aos candidatos a vereador e ajudar o PCdoB a superar a cláusula de barreira em 2022, seja para reforçar seu nome rumo a disputas futuras. Qualquer resultado que conquistar além disso seria uma surpresa — hipótese que, já aprendemos em eleições passadas, nunca pode ser completamente descartada.

    Os candidatos

    A coluna abordará todos os candidatos a prefeito de Blumenau até o dia 16 de setembro, conforme forem oficializados pelas convenções partidárias. Confira abaixo outros textos da série.

    > Odair Tramontin é a novidade das Eleições 2020 em Blumenau, mas terá de enfrentar contradições

    > Jairo Santos foi do PSTU ao bolsonarismo e agora mira a prefeitura de Blumenau

    > Kleinübing disputará as Eleições 2020 com vantagens e desgastes de já ter governado

    > Wanderlei Laureth entra como franco-atirador nas Eleições 2020, mas pode soar folclórico

    > Candidato do bolsonarismo nas Eleições 2020, Ricardo Alba precisa provar que está pronto para governar

    > Débora Arenhart vai enfatizar a educação nas Eleições 2020, com o desafio de superar a inexperiência

    > Ivan Naatz precisará conciliar o discurso de "nova política" com o próprio histórico

    > Mário Hildebrandt põe à prova um governo e a capacidade de atrair votos

    > João Natel oferece moderação às Eleições 2020, mas corre o risco de passar despercebido

    > Ana Paula Lima luta para reverter o encolhimento do PT em Blumenau

    > Geórgia Faust defenderá a inclusão nas Eleições 2020, com estrutura que limita ambições

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas